Meteorologia

  • 05 DEZEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

'Novo João Mário' já faz esquecer o 'antigo' e supera até... o sucessor

Internacional português ainda só leva 12 jogos pelo Benfica, é já uma peça fundamental para Jorge Jesus.

'Novo João Mário' já faz esquecer o 'antigo' e supera até... o sucessor

"O estatuto e a influência que João Mário tem no Benfica não o teria aqui". Foi desta forma taxativa que, na sexta-feira, Rúben Amorim assegurou não guardar qualquer arrependimento de já não contar com o internacional português no Sporting.

O portuense protagonizou uma das mais badaladas transferências do passado mercado de verão, ao rescindir com o Inter de Milão (após a quebra nas negociações com os leões) para assinar pelo Benfica, e, ao cabo de apenas 12 jogos é já uma peça fundamental nos planos de Jorge Jesus do outro lado da Segunda Circular.

O médio de 28 anos é o quarto jogador mais utilizado de todo o plantel das águias (apenas superado por Odysseas Vlachodimos, Nicolás Otamendi e Lucas Veríssimo) e já apresentou uma versão superior à da última temporada em praticamente todos os planos.

Os números, aliás, não mentem. João Mário não só passa mais por 90 minutos (57,8 contra 51,1), como o faz com maior acerto (90,6% contra 87,6%) e colocando a equipa do Benfica em zonas mais adiantadas do terreno (3,8 contra 2,8), de acordo com os dados da GoalPoint.

Além disso, perde menos vezes a posse da bola (14,3% contra 18,6%) e até participa em mais ações defensivas (4,8 contra 3,2), seja ao nível dos duelos individuais para os quais parte (2,2 contra 1,3), seja ao nível das interceções de passes (4,8 contra 3,2).

Matheus Nunes (também) superado

Entretanto, em Alvalade, coube a Matheus Nunes ocupar o cargo que pertenceu a João Mário durante a caminhada rumo ao título de campeão nacional, em 2019/20. As boas exibições valeram-lhe a chamada à seleção nacional... mas não serviram para fazer esquecer o antecessor.

O jogador do Benfica soma, neste momento, o mesmo número de assistências do que o do Sporting (uma), mas leva mais golos (dois contra nenhum) e mais passes (57,8 por 90 minutos contra 41,4), tudo isto com mais minutos (907 contra 752) nas pernas.

Matheus Nunes vai ganhando, para já, nas tarefas defensivas (ainda que ligeiramente), onde soma mais ações por 90 minutos (5,2 contra 4,8), mais entradas (2,3 contra 2,2) e mais interceções (1,6 contra 1,3) do que João Mário.

Leia Também: "O estatuto e influência que o João Mário tem no Benfica não teria aqui"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório