Meteorologia

  • 21 OUTUBRO 2021
Tempo
16º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Rafa é sinónimo de desequilíbrio: As notas do Vitória SC-Benfica

Yaremchuk, com um bis, e João Mário marcaram os golos do triunfo por 3-1 do Benfica na cidade Berço.

Rafa é sinónimo de desequilíbrio: As notas do Vitória SC-Benfica

São já sete vitórias em sete jogos, e 21 pontos conquistados. O Benfica levou a melhor sobre o Vitória SC, este sábado, por 3-1, em Guimarães, e manteve assim a vantagem para os rivais diretos na luta pelo título.

Os encarnados têm quatro pontos de vantagem sobre FC Porto e Sporting, e para isso muito contribuíram os golos de Yaremchuk (2) e João Mário no D. Afonso Henriques. Bruno Duarte marcou o único tento dos vitorianos, que somam apenas sete pontos no 10.º lugar do campeonato.

Figura

A cada jogo que passa, Rafa assume-se como um dos elementos mais preponderantes na equipa do Benfica. Solto e a jogar como bem gosta, entre linhas, Rafa semeou várias vezes o pânico na defensiva do Vitória SC. Foi o motor da equipa encarnada e deu muita 'cavalagem' ao ataque. Assistiu para o segundo e para o terceiro golo do Benfica.

Surpresa

Yaremchuk foi o rosto do pragmatismo da equipa do Benfica no Castelo. Chamado ao golo, o ucraniano respondeu sempre afirmativamente e se dúvidas houvessem, Yaremchuk é um verdadeiro matador. Como tal, não espanta que tenha olhos a mais para a baliza. Quatro golos em nove jogos prova que o 15 das águias está mais do que ambientado à equipa de Jorge Jesus. Mostrou ainda, pelo primeiro golo apontado, que também consegue marcar com pormenores de classe.

Desilusão

Nos últimos minutos da primeira parte, a defesa do Vitória andou totalmente desencontrada, os posicionamentos foram horríveis e o Benfica aproveitou. Borevkovic foi um dos rostos desse desnorte e até foi do central croata que nasceu o erro que deu origem ao segundo golo de Yaremchuk. Pedia-se mais, muito mais concentração.

Pepa

O treinador do Vitória SC estava ciente, no final do jogo, que a primeira parte foi má. A equipa não conseguiu circular a bola como deveria e pagou caro os "erros gritantes", como Pepa descreveu. No segundo tempo, os vitorianos reagiram e foram atrás do prejuízo. Contudo, perante um candidato ao título torna-se muito complicado virar um resultado de 0-2. Ainda assim, o Vitória SC pode retirar coisas positivas deste encontro para dar a volta ao arranque menos positivo de temporada.

Jorge Jesus

Parece cada vez mais ter encontrado o seu onze 'tipo'. O treinador das águias está a encaminhar a sua equipa a um dos inícios de época mais triunfantes da sua história e isso tem, indubitavelmente, mérito. No que diz respeito ao jogo, quis mexer cedo e (e bem) para dar frescura a alguns atletas. A equipa desacelerou um pouco na segunda parte, provavelmente a pensar também no confronto da próxima quarta-feira frente ao Barcelona. Desentendeu-se com Darwin, mas tudo ficou sanado ali, onde deve ficar: no relvado.

Árbitro, Luís Godinho

Esteve bem nos momentos de maior pressão, adotou um critério largo e passou ao lado do jogo. Não foi protagonista, o que deveria ser, certamente, um dos seus objetivos.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório