Meteorologia

  • 08 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 12º MÁX 15º

Edição

Escândalo na Noruega: Clube afasta dois jogadores por orgia no relvado

Dez outros jogadores foram punidos pelo Brann.

Escândalo na Noruega: Clube afasta dois jogadores por orgia no relvado

O Brann SK, da primeira divisão da Noruega, emitiu uma nota oficial, na qual anunciou o afastamento do jogador Kristoffer Barmen.

Segundo o clube dinamarquês, o médio, de 28 anos e nos quadros do clube desde os 10 anos, organizou uma orgia no relvado do Brann Stadion, a 'casa' do clube nórdico. Outro futebolista, Mikkel Andersen, demitiu-se após este incidente  e mais dez jogadores serão punidos.

Este caso saltou para a imprensa depois de um dos jogadores envolvidos nesta orgia, cujo nome não foi avançado pela polícia, ter sido acusado de abuso sexual por parte de uma das mulheres envolvidas na orgia, alegações essas que o acusado nega.

As investigações da polícia local revelam que os jogadores foram jantar no passado dia 10 de agosto, antes de irem a uma boate. Depois foram para o estádio acompanhados por sete mulheres, onde foram apanhados pelas câmaras de segurança a fazer sexo no relvado e no balneário.

"O clube está a trabalhar intensamente com as autoridades para chegar ao fundo desta situação, que constitui sérias falhas na confiança que tínhamos em 12 dos nossos atletas. A investigação mostrou o desrespeito de várias regras, normas gerais, restrições da covid-19 e a expectativas de razoabilidade que temos para com todos os nossos funcionários. Por isso, decidimos despedir um dos nossos jogadores e dar a outros dez um aviso escrito", disse o diretor-geral Vibeke Johannesen no comunicado.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório