Meteorologia

  • 25 JULHO 2021
Tempo
21º
MIN 18º MÁX 27º

Edição

Público regressa às bancadas dos estádios a 14 de junho

Decisão foi comunicada pelo Governo. Recintos com lotação máxima de 33%.

Público regressa às bancadas dos estádios a 14 de junho

O primeiro-ministro António Costa anunciou, esta quarta-feira, que os adeptos estão de volta aos estádios portugueses já a partir do próximo dia 14 de junho.

A informação foi confirmada pelo chefe de Governo, em declarações aos jornalistas após o Conselho de Ministros desta quarta-feira, sublinhando ainda que os recintos desportivos vão estar limitados a 33% da sua capacidade total.

"No que diz respeito à atividade desportiva, deixa de haver restrições nos escalões de formação e modalidades amadoras, devendo ter lugares marcados e regras de distanciamento definidas pela Direção-Geral da Saúde sempre que se realizem fora de recintos desportivos, e 33% quando se verifiquem em recintos desportivos", afirmou António Costa.

Nesse sentido, os estádios de futebol e outros recintos desportivos passam a ter um terço da sua capacidade. Os escalões de formação e modalidades amadoras passam a ter lugares marcados e regras de distanciamento.

António Costa referiu ainda que os eventos que decorram fora dos recintos desportivos continuam a ter de respeitar as regras aplicadas pela Direção-Geral de Saúde.

Segundo o governante, a DGS poderá "impor regras específicas de acesso, designadamente a obrigatoriedade de testagem se considerar adequado".

Questionado sobre se esta medida também se aplica aos estádios de futebol, o primeiro-ministro confirmou que "sim, a lotação será de 33%, como qualquer outro recinto desportivo".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório