Meteorologia

  • 01 MARçO 2021
Tempo
12º
MIN 9º MÁX 18º

Edição

Odysseas segurou triunfo do Benfica em Barcelos e confirmou tendência

Guardião grego assinou um par de defesas impressionantes e é o jogador do campeonato com maior percentagem de defesas a remates feitos dentro da grande área.

Odysseas segurou triunfo do Benfica em Barcelos e confirmou tendência

Costuma-se dizer que os bons guarda-redes são aqueles que valem pontos. Aqueles que podem estar grande parte do jogo sem trabalho mas quando são chamados a intervir respondem de forma categórica. Odysseas Vlachodimos parece pertencer a este lote. O guardião grego foi peça essencial para ajudar o Benfica a arrancar um triunfo na visita ao Gil Vicente (2-0), em jogo referente à 10.ª jornada e disputado na tarde do passado domingo. 

Odysseas até nem estava a ser muito ameaçado em Barcelos, mas a reentrada forte dos gilistas na segunda parte foi palco de três defesas espetaculares em menos... de 10 minutos. 

Quando o nulo ainda resistia no marcador, aos 54 minutos, Lucas Mineiro subiu ao primeiro andar e arrancou a primeira grande defesa do guarda-redes do Benfica. 

No lance imediatamente a seguir (56'), o mesmo Lucas Mineiro acertou com estrondo na barra e Lourency, na recarga, atirou forte e colocado, mas Odyessas voltou a dizer presente. 

O Benfica entretanto adiantou-se no marcador e o Gil Vicente respondeu na jogada a seguir. Samuel Lino arrancou pela esquerda, desmontou a defensiva encarnada, e rematou para nova defesa de Odysseas. Lourency - outra vez ele - tentou novamente a sorte na recarga, mas viu o guardião grego negar-lhe o golo com a ponta dos dedos. 

Assim fica resumida a tarde de Odysseas em Barcelos. Em apenas oito minutos, o internacional grego teve de se aplicar para evitar que o Benfica sofresse qualquer golo. Além disso, elevou a percentagem de remates defendidos, feitos dentro da grande área, em jogos da I Liga. 

Segundo revela a GoalPoint, Odysseas contabiliza agora 73% de eficácia e é quem lidera este ranking no campeonato. 

Verão agitado, novamente

Odysseas encontra-se a cumprir a terceira temporada ao serviço do Benfica. O guardião grego tem sido o dono da baliza encarnada, mas a eventual chegada de um novo guarda-redes tem sido tema recorrente sempre que o mercado se encontra aberto. No verão de 2019, Mattia Perin chegou a estar em Lisboa, mas chumbou nos exames médicos.

Em 2020, e depois de Jorge Jesus ser apresentado como o novo treinador das águias, voltou-se a falar do desejo de o Benfica em contratar um guarda-redes de renome para rivalizar com Odysseas. Tal não chegou a acontecer e Helton Leite, contratado ao Boavista, parece longe de ser, para já, um rival para Odysseas na luta por um lugar de titular na baliza encarnada. Em Barcelos ficou desvendado o motivo da aposta de JJ. 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório