Meteorologia

  • 26 JANEIRO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 19º

Edição

Médico de Maradona vai depor após suspeitas de homicídio involuntário

Advogado de Leopoldo Luque defende que El Pibe "era uma pessoa consciente do que fazia".

Médico de Maradona vai depor após suspeitas de homicídio involuntário

O advogado de Leopoldo Luque, anunciou, esta segunda-feira, que o médio de Diego Armando Maradona irá depor voluntariamente em tribunal no seguimento da investigação aberta por suspeitas de homicídio involuntário.

Em declarações prestadas aos jornalistas e reproduzidas pelo jornal argentino La Nacion, Julio Rivas informou que o seu cliente "está a fazer o luto de ter perdido um amigo", e reforçou que este "não dirigia o tratamento médico" de El Pibe.

"Maradona era uma pessoa consciente do que fazia. Um psiquiatra assinou-lhe a alta, estava em condições de decidir. O Luque era seu amigo e é neurocirurgião. Estão à procura de algo por uma questão que pertence a Maradona", atirou.

O advogado acrescentou, ainda, que Leopoldo Luque "não estava todos os dias com Maradona", e insistiu que o médico nada teve a ver com a morte do antigo jogador, uma vez que "o coração estava mal há 20 anos".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório