Meteorologia

  • 24 NOVEMBRO 2020
Tempo
17º
MIN 9º MÁX 18º

Edição

Depois da 'besta negra', campeão testa 'pujança' no dérbi da Invicta

O FC Porto desloca-se este sábado, pelas 21h00, ao reduto do Boavista para uma partida a contar para a 2.ª jornada da I Liga.

Depois da 'besta negra', campeão testa 'pujança' no dérbi da Invicta

AntevisãoDepois de uma vitória na jornada inaugural frente ao Sporting de Braga, o FC Porto desloca-se este sábado ao estádio do Bessa para medir forças com o Boavista.

Com os axadrezados a virem de um empate, mas com uma janela de transferências que trouxe vários valores para o emblema nortenho, Sérgio Conceição lembrou que apesar do conhecimento que tem do seu adversário poderá haver algum fator de surpresa na partida. 

Vasco Seabra apresentou-se na antevisão do encontro precisamente com a mesma perspetiva, lembrando que os dragões deverão sentir dificuldades ao enfrentar as panteras. 

Porém, com três pontos em discussão, com possibilidade de construir já uma pontuação confortável numa deslocação tipicamente difícil, é de esperar uma partida com ascendente azul, até porque os argumentos desportivos entre os velhos rivais ainda são diversos. 

Treinadores em discurso direto

Vasco Seabra

Jogo: O FC Porto é uma equipa agressiva, intensa, que procura a profundidade. Tem o rótulo de campeão, manteve a maior parte da equipa passada, por isso é uma equipa com uma base grande. Tem o mesmo trenador, coloca uma dimensão física grande no jogo e sabemos que é difícil. Não fugimos disso, nem temos medo de o dizer. Temos é uma convicção muito grande de que o Porto vai ter dificuldades contra nós e queremos provocar essa dificuldades. Teremos de nos bater pelos 3 pontos

Ausências: Yusupha não estará presente, enquanto que Rami, Seba Pérez e Elis estão disponíveis para a convocatória. Vamos com novos jogadores, mas essencialmente o que vincamos é que temos confiança em todos. Temos sentido um entusiasmo grande dos jogadores, uma vontade grande de serem competitivos. Esses três jogadores já podem dar o seu contributo e serão mais três a acrescentar para podermos ser cada vez melhores e mais vencedores

Efeito surpresa: Aquilo que nós queremos é tirar vantagem daquilo ques somos. o objetivo é criar imprevisibilidade, criar dificuldades e dinâmicas. Agora, quanto mais semanas forem passando, com os jogadores que temos vamos criando relações que vão fazer crescer. a nossa convicção é que vamos a jogo com o máximo de responsabilidade, crença. Vamos com vontade de sermos imprevisíveis, mas sendo o que somos, com a alma que nos caracteriza. Não é uma desculpa ou um fator de vantagem. queremos é olhar para o jogo e sermos competitivos

Sérgio Conceição: 

Boavista: Conhecemos os jogadores que compõem o plantel, mas tudo aquilo que é a sua dinâmica de jogo, temos como referência este último jogo, um ou outro amigável que observámos. Mas não penso que seja uma vantagem ou uma desvantagem. Acho que o Boavista tem um plantel com qualidade e, pelo que observámos, vai ser uma equipa interessante na nossa Liga

Três golos do Boavista no último jogo: Depois colam-me aquele rótulo de um treinador conservador. Começo já a ouvir algumas pessoas a dizer isto. Mesmo com um jogador na frente conseguimos pôr cinco jogadores na área. O Boavista marcou três e sofreu três. Prefiro ganhar por 1-0 do que por 4-3. É a minha forma de pensar. É uma demonstração de uma equipa sólida. Está tudo associado ao que é o trabalho defensivo/ofensivo. O Boavista tem jogadores muito interessantes, nas alas jogam com pé contrário, procurando o espaço interior e fazendo combinações. Com os laterais formam uma dinâmica muito boa. Estamos atentos a toda a dinâmica e à estratégia que poderão adotar. Cabe-nos a nós, com respeito, pensar em nós e no que vamos produzir

Avançados: Por vezes variamos a nossa dinâmica, mas não a nossa forma de jogar. A nossa forma de jogar assenta em 3 ou 4 pilares fundamentais e depois vamos variando e dando algumas nuances às dinâmicas. No último jogo joguei com o Marega na frente, como jogador mais de referência, mas muitas vezes era o Corona a aparecer na zona central e o Marega é que aparecia na direita... depende da estratégia para o jogo, percebendo o que o adversário pode fazer

Últimos onzes

Boavista: Léo Jardim; Reggie Cannon, Alejandro GómezChidozie Awaziem e Ricardo Mangas; Javi Garcia, Nuno Santos, Angel Gomes, Paulinho, Gustavo Sauer; Yusupha

FC Porto: Marchesín; Manafá, Mbemba, Pepe e Alex Telles; Danilo, Uribe e Sérgio Oliveira; Otávio, Corona e Marega

Últimos resultados:

Boavista: E

FC Porto: V

Lesionados e Castigados:

Boavista: Yusupha (lesionado)

FC Porto: Cláudio Ramos, Mouhamed Mbaye e Marcano (lesionados), Nakajima e Evanílson (em dúvida)

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório