Meteorologia

  • 05 ABRIL 2020
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 18º

Edição

Covid-19: Atletas apurados para Tóquio2020 mantêm estatuto em 2021

Numa reunião entre o COI e 32 federações internacionais que regem os desportos que marcam presença no evento quadrienal, ficou decidido que os atletas que já garantiram vaga para Tóquio2020 vão marcar presença em 2021, segundo explicou à agência noticiosa francesa um dos participantes.

Covid-19: Atletas apurados para Tóquio2020 mantêm estatuto em 2021
Notícias ao Minuto

21:37 - 26/03/20 por Lusa

Desporto Covid-19

Os atletas que já se qualificaram para os Jogos Olímpicos Tóquio2020, adiados para o próximo ano devido à pandemia da covid-19, vão manter esse estatuto, por decisão do Comité Olímpico Internacional (COI), noticia hoje a AFP.

Numa reunião entre o COI e 32 federações internacionais que regem os desportos que marcam presença no evento quadrienal, ficou decidido que os atletas que já garantiram vaga para Tóquio2020 vão marcar presença em 2021, segundo explicou à agência noticiosa francesa um dos participantes.

Para já, estão qualificados 57% dos 11.000 atletas esperados na competição na capital japonesa, mantendo-se, assim, a missão do COI de encontrar datas para torneios e outras provas de qualificação para apurar os restantes.

A reunião de hoje permitiu ainda discutir as possibilidades em torno desse apuramento, bem como uma data definitiva, que deverá ser anunciada "nas próximas quatro semanas", segundo a mesma fonte.

Outras das questões debatidas prenderam-se com as "dificuldades financeiras de muitas federações", que só poderão receber as verbas destinadas pelo COI para cada modalidade em 2021, tendo sido pedido um adiantamento.

Os Jogos Olímpicos Tóquio2020 foram adiados para 2021, devido à pandemia de covid-19, numa decisão tomada "para salvaguardar a saúde dos atletas, de toda a gente envolvida nos Jogos Olímpicos e de comunidade internacional".

O novo coronavírus, responsável pela pandemia da covid-19, já infetou mais 480 mil pessoas em todo o mundo, das quais morreram perto de 22.000.

Depois de surgir na China, em dezembro, o surto espalhou-se por todo o mundo, o que levou a Organização Mundial da Saúde (OMS) a declarar uma situação de pandemia.

O continente europeu, com quase 260.000 infetados, é aquele onde está a surgir atualmente o maior número de casos, e a Itália é o país do mundo com mais vítimas mortais, com 7.503 mortos em 74.386 casos registados até quarta-feira.

Em Portugal, que está em estado de emergência desde as 00:00 de 19 de março e até às 23:59 de 02 de abril, registaram-se 60 mortes e 3.544 infeções confirmadas, segundo o balanço feito hoje pela Direção-Geral da Saúde.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório