Meteorologia

  • 08 ABRIL 2020
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 21º

Edição

Gioavanni Reyna, a nova estrela do Dortmund que pode representar Portugal

Jovem de apenas 17 anos é filho de um antigo futebolista e para além de ter passaporte português é também disputado pelas seleções da Argentina, Inglaterra e Estados Unidos, pela qual já alinhou no Campeonato do Mundo de sub-17.

Gioavanni Reyna, a nova estrela do Dortmund que pode representar Portugal

Erling Haaland é a estrela do momento no Borussia Dortmund, mas nas fileiras do emblema germânico está despontar um atleta de apenas 17 anos cujo futuro também se prevê brilhante e que tem, curiosamente, passaporte... português.

Giovanni Reyna, de apenas 17 anos, estreou-se com a camisola do Borussia Dortmund no passado dia 18 de janeiro no encontro da Bundesliga diante do Augsburgo. A exibição não foi de encher o olho - viu inclusive um cartão amarelo -, mas chegou para o filho do antigo internacional pela seleção dos Estados Unidos, Claudio Reyna, entrar para a história como o mais novo norte-americano a estrear-se no principal escalão do futebol alemão.

Dias depois surgiu mais um recorde. Lançado no encontro da Taça da Alemanha, Reyna tornou-se no mais jovem jogador do Borussia Dortmund a marcar nesta competição. O cartão de visita? Um golo de levantar o estádio que, ainda assim, não impediu a derrota da sua equipa.

Mas voltemos ao início do texto e à parte em que Reyna possui nacionalidade portuguesa. Gio, como é carinhosamente conhecido, nasceu em novembro de 2002 na cidade inglesa de Sunderland, quando o seu pai representava este clube, mas foi criado no Estados Unidos. Filho de Claudio Reyna e Danielle Reyna, dois antigos internacionais norte-americanos, o jovem de 17 anos cresceu com o futebol em casa. O pai, Claudio, jogou em clubes como Bayer LeverkusenWolfsburgo, Rangers, Sunderland, Manhester City e NY Red Bulls, e foi uma estrela da seleção norte-americana. 

A ligação de Giovanni Reyna a Portugal explica-se através do seu pai. Claudio Reyna é filho de uma portuguesa, Maria Silva, que emigrou para os Estados Unidos e casou com Miguel, um ex-jogador do Independiente, da Argentina.

Ou seja, Giovanni Reyna conta com um avô paterno, que é argentino, e uma avó paterna, que é portuguesa, nacionalidade que utilizou para pedir passaporte europeu e ingressar no Borussia Dortmund em 2019, depois de nas camadas jovens ter representado o New York City FC.

Depois de ter começado a integração na equipa sub-19, Giovanni Reyna tem merecido a confiança do treinador Lucian Favre e foi convocado para seis jogos na Bundesliga, somando mais de 150 minutos com a camisola da equipa principal. Na última terça-feira fez, inclusive, a sua primeira assistência na Liga dos Campeões, ao fazer o passe para o golo de Erling Haaland.

As últimas informações reveladas pela imprensa internacional dão conta de que o futuro internacional deste jovem de 17 anos está a ser alvo de uma disputa acérrima entre Estados Unidos, Inglaterra, Portugal e Argentina. Resta agora saber que país o jovem Gio vai escolher para representar no futuro.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório