Meteorologia

  • 19 FEVEREIRO 2020
Tempo
14º
MIN 7º MÁX 19º

Edição

I Liga - Os melhores tentos apontados na última jornada

Mais vídeos

Federação italiana pretende testar revisão de lances a pedido de equipas

A Federação Italiana de Futebol (FIGC) mostrou hoje disponibilidade junto da FIFA para permitir que as equipas solicitem a revisão de lances duvidosos ao videoárbitro durante um jogo, à semelhança do que sucede no ténis e no basquetebol.

Federação italiana pretende testar revisão de lances a pedido de equipas
Notícias ao Minuto

17:56 - 13/02/20 por Lusa

Desporto Itália

"A FIGC recolheu, nas últimas semanas, pedidos de vários clubes da Serie A e manifestou informalmente à FIFA a disponibilidade para experimentar o uso do 'challenge' [revisão VAR a pedido de uma equipa], nos termos que o IFAB [International Board] considerar convenientes", informou a FIGC, em comunicado divulgado no site oficial.

A federação transalpina lembra que "Itália foi um dos países pioneiros na adoção do sistema de VAR [videoárbitro]" e considera que, com a implementação do 'challenge', o futebol "pode aproximar-se ainda mais dos adeptos, sem prejudicar a autoridade do árbitro, mas oferecendo-lhe ferramentas que o ajudem, de forma concreta".

A proposta da FIGC, que implementou a utilização do VAR na Liga italiana em 2017, procura replicar o que já sucede no basquetebol ou no ténis há vários anos e que permite que uma das partes envolvidas num jogo solicite à equipa de arbitragem a revisão de determinado lance que considere duvidoso.

Atualmente, apenas o árbitro principal e o VAR podem decidir se há lugar à revisão de um lance no monitor à disposição das equipas de arbitragem, independentemente das queixas de jogadores ou treinadores.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório