Meteorologia

  • 03 ABRIL 2020
Tempo
MIN 8º MÁX 20º

Edição

Liga chinesa impõe tecto salarial e teme-se êxodo massivo de europeus

Muitos foram os futebolistas que deixaram o Velho Continente em busca de fortuna. Agora, imposições da Liga poderão ditar o adeus de vários jogadores ao campeonato asiático.

Liga chinesa impõe tecto salarial e teme-se êxodo massivo de europeus

Durante os últimos anos assistimos a um movimento pouco característico no mercado de transferências, com vários jogadores a deixarem a elite do futebol europeu para se mudarem, a troco de vários milhões, para o futebol chinês.

Porém, o período áureo deste El Dorado asiático parece ter chegado ao fim, com uma decisão recente dos responsáveis da Liga a pôr em dúvida a permanência de vários atletas no campeonato local.

Segundo o explicado, será imposto um tecto salarial de 2,5 milhões de euros anuais, após impostos, o que, especula o Daily Mail, poderá fazer regressar vários atletas à Europa.

Com o caminho para os milhões tapados, diz-se que, porém, serão abertas vagas para mais jogadores extracomunitários, com a lei a passar de quatro elementos para cinco. 

O salário máximo para jogadores chineses será também tabelado, sendo que no máximo os atletas podem levar para casa cerca de 1,8 milhões de euros anuais.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório