Meteorologia

  • 20 ABRIL 2019
Tempo
14º
MIN 13º MÁX 15º

Edição

Sporting - Não perca os últimos golos e lances polémicos

Mais vídeos

Bessa deixa Bruno Fernandes mais perto de ser o médio do século na Europa

Sporting trinfou no Estádio do Bessa, por 2-1, com o golo do triunfo a ser alcançado por intermediário do seu 'amuleto' da sorte.

Bessa deixa Bruno Fernandes mais perto de ser o médio do século na Europa
Notícias ao Minuto

08:00 - 10/03/19 por Ricardo Santos Fernandes 

Desporto Análise

Com 24 golos apontados até ao momento em todas as competições, Bruno Fernandes já destronou António Oliveira como o maior médio goleador do Sporting numa época (somou 22 tentos em 1981/1982), e está a três remates certeiros de igualar Frank Lampard, que alcançou esse registo na época de 2009/10, ao serviço do Chelsea, sendo neste momento o médio com o melhor registo de golos no Top-5 das Ligas europeias.

O último golo do capitão leonino surgiu, na sequência de uma grande penalidade, convertida aos 90+3, e que motivou fortes críticas dos jogadores e dirigentes axadrezados que acusaram Raphinha de simular a queda no interior da grande área de Bracali no último minuto do tempo regulamentar.

Boavista virou 'sobremesa' de eleição... uma receita que já não se via há 60 anos

Esta foi apenas a quinta vitória dos leões em 12 partidas longe de Alvalade, no decorrer da temporada 2018/19, sendo que pela primeira vez esta época o Sporting está há quatro jogos consecutivos invicto fora de casa na Liga (Boavista, Marítimo, Feirense e Vitória de Setúbal).

No que diz respeito ainda a números, pela primeira vez na história de um Sporting-Boavista (124 encontros), os leões estão há sete consecutivos a vencer (três desses triunfos no Bessa), algo que não acontecia há 60 anos.

Pantera entrou a 'matar', mas cedo o leão libertou as garras

O Sporting entrou a perder no Estádio do Bessa, visto que Neris - estreou-se a marcar ao serviço do Boavista - fez questão de fazer o gosto ao pé logo à passagem dos três minutos. Apesar do fôlego de maior intensidade dos axadrezados nos primeiros 15 minutos, cedo o leão tomou as rédeas de uma partida nem sempre bem jogada.

Aos 17 minutos, Raphinha trabalhou bem na direita, cruzou e Edu Machado, na tentativa de afastar a bola, desviou-a para o fundo da própria baliza. Pouco depois, Luiz Phellype teve na sua cabeça a reviravolta na cabeça, mas a meio metro da baliza a bola embateu com estrondo no poste direito da baliza de Bracali. 

Dono e senhor do jogo, a segunda parte revelou-se um duelo mais equilibrado, mas em que as melhores ocasiões surgiam pela cabeça de Coates, um verdadeiro 'farol' ofensivo dos leões, sempre tão bem servido pelos cruzamentos de Acuña e Raphinha. E foi exatamente pelos pés do brasileiro que podia ter nascido um dos golos do campeonato. Num dos belos cruzamentos de Raphinha, a bola foi superiormente conduzida para Bruno Fernandes, que na sequência de um pontapé de bicicleta possibilitou a monumental defesa de Bracali, mantendo os leões em agonia.

Os minutos passavam e o marcador não sofria alteração, até que... bem, o final desta história já o leitor conhece. O leão foi 'salvo' ao soar do gongo e pode respirar de alívio, já que o tropeção esteve a minutos de ser escrito, mas rapidamente foi apagado... por Bruno Fernandes. 

BoavistaVSSporting
6Remates 18
36Posse de bola64
7Cantos 11
23Faltas cometidas15
4/0Cartões amarelos/vermelhos1/0

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Acompanhe as transmissões ao vivo da Primeira Liga, Liga Europa e Liga dos Campeões!

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório