Meteorologia

  • 19 JANEIRO 2020
Tempo
11º
MIN 8º MÁX 16º

Edição

Mais de 30 artistas na exposição do Museu de Arte Contemporânea de Elvas

A exposição intitulada '2012 - 2020, Obras da Coleção António Cachola', com trabalhos de mais de 30 artistas portugueses, vai ser inaugurada no sábado, no Museu de Arte Contemporânea de Elvas (MACE), revelou a câmara municipal.

Mais de 30 artistas na exposição do Museu de Arte Contemporânea de Elvas
Notícias ao Minuto

14:18 - 16/01/20 por Lusa

Cultura Elvas

A abertura da mostra, que dá a conhecer algumas das aquisições da Coleção António Cachola entre 2012 e 2020, está marcada para as 17h00, integrada nas comemorações dos 361 anos da Batalha das Linhas de Elvas, que estão a decorrer na cidade raiana do distrito de Portalegre.

Segundo o município, a mostra, que inclui esculturas, pinturas, desenho, fotografias, instalações e vídeos, vai estar patente ao público nas galerias de exposição do museu, assim como em outros espaços culturais de valor histórico e patrimonial da cidade, como o Paiol Nossa Senhora da Conceição, a Biblioteca Municipal Dra. Elsa Grilo e o Forte da Graça.

No Paiol Nossa Senhora da Conceição vai ser exibida uma obra de João Pedro Vale e Nuno Alexandre Ferreira, enquanto na biblioteca vai poder ser visto um trabalho de Julião Sarmento. No Forte da Graça estará uma peça de Priscila Fernandes.

Os 30 artistas estão divididos em 15 homens, 15 mulheres e dois grupos, com nomes como Ana Jotta, Fernanda Fragateira, Joana Vasconcelos, Jonathan Saldanha, Mariana Caló e Francisco Queimadela, entre outros.

A exposição pode ser visitada até ao dia 03 de janeiro de 2021.

A instituição museológica de Elvas acolhe em depósito, desde a sua fundação a 06 de julho de 2007, a Coleção António Cachola, dedicada, em exclusivo, à produção artística visual portuguesa.

Considerada "uma das mais importantes coleções privadas portuguesas" e que se mantém em constante atualização, a Coleção António Cachola conta com mais de 650 obras, dando especial enfoque aos artistas portugueses que começaram a produzir na década de 1980 e acompanhando as criações contemporâneas nacionais.

Com esta nova exposição, de acordo com a autarquia, o MACE pretende "valorizar os bens materiais e imateriais da cultura local, permitindo a sua vivência através da experiência expositiva".

O Museu de Arte Contemporânea de Elvas tenciona, ainda, com a exposição, mostrar o crescimento desta coleção que é "um estímulo à criação artística" dos artistas portugueses.

O MACE, instituição com tutela municipal, promove, nacional e internacionalmente, a arte contemporânea portuguesa, e está, desde 2015, inserido na Rede Portuguesa de Museus.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório