Meteorologia

  • 02 OUTUBRO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 30º
Imobiliário Habitação Preço das casas anunciadas no ideali...

Preço das casas anunciadas no idealista subiu 1,2% no 1.º trimestre

Comprar casa tinha um custo de 2.352 euros por metro quadrado (euros/m2) no final do mês de março.

Preço das casas anunciadas no idealista subiu 1,2% no 1.º trimestre

Os preços das casas em Portugal apresentaram uma subida de 1,2% no primeiro trimestre do ano face ao trimestre anterior, segundo o índice de preços do idealista, divulgado esta quinta-feira.

Comprar casa tinha um custo de 2.352 euros por metro quadrado (euros/m2) no final do mês de março, tendo em conta o valor mediano, indicam os dados do portal de imobiliário divulgados em comunicado. 

Já em relação à variação mensal e anual, os preços subiram 0,7% e 7,8%, respetivamente.

Durante o primeiro trimestre, os preços das casas subiram em todas as regiões do país, indica o idealista. 

"A liderar as subidas, encontra-se o Alentejo (6,9%), seguido pela Região Autónoma da Madeira (5,4%) e Algarve (3,2%). Seguem-se a Região Autónoma dos Açores (2%), a Área Metropolitana de Lisboa (1,6%), o Norte (1,3%) e Centro (0,5%)", pode ler-se no mesmo comunicado. 

A Área Metropolitana de Lisboa, com 3.400 euros/m2, continua a ser a região mais cara, seguida pelo Algarve (2.685 euros/m2), Região Autónoma da Madeira (2.009 euros/m2) e Norte (1.954 euros/m2).

Do lado oposto da tabela encontram-se a Região Autónoma dos Açores (1.068 euros/m2), o Alentejo (1.185 euros/m2) e Centro (1.194 euros/m2) que são as regiões mais baratas.

Para a realização do índice de preços imobiliários do idealista são analisados ​​os preços de oferta - com base nos metros quadrados construídos - publicados pelos anunciantes do idealista. São eliminados da estatística anúncios atípicos e com preços fora de mercado, indica a plataforma. 

Leia Também: Procura emprego? Embraer abre 100 vagas em Évora

Campo obrigatório