Meteorologia

  • 27 NOVEMBRO 2021
Tempo
15º
MIN 9º MÁX 15º

Edição

Lar Decoração Tendências de decoração 'perigosas' ...

Tendências de decoração 'perigosas' para a casa, segundo inspetores

À medida que surgem mais renovações no design dos imóveis, os inspetores domésticos têm detetado algumas práticas que podem parecer bonitas, mas que não são necessariamente seguras. Prateleiras flutuantes, eletrodomésticos mais antigos e tijolo exposto são alguns dos exemplos. Ora veja.

Tendências de decoração 'perigosas' para a casa, segundo inspetores

No que diz respeito à decoração, as tendências nem sempre vêm acompanhadas com avisos de segurança, revelam os inspetores domésticos, profissionais encarregados de inspecionar casas, ao Apartment Therapy. A verdade é que há cada vez mais compradores a alterar a sua habitação, mal a compram. E à medida que surgem mais renovações no design dos imóveis, os inspetores têm detetado algumas práticas que podem parecer bonitas, mas que não são necessariamente seguras, escreve a plataforma especialista em soluções para a casa. Prateleiras flutuantes, eletrodomésticos mais antigos e tijolo exposto são alguns dos exemplos. Ora veja.

Prateleiras flutuantes

Prateleiras flutuantes na cozinha são uma maneira de mostrar as suas panelas ou, na sala de estar, poderão oferecer um espaço de galeria para os seus livros favoritos ou bugigangas. Embora adicionar este tipo de prateleiras possa parecer uma tarefa fácil, Valentino Gecaj, da Valentino Home Inspections, em Westchester, Nova Iorque, revela que muitas das instalações de bricolage não têm suporte adequado. 

Por isso, se estiver a prender uma prateleira flutuante a gesso ou a uma parede, precisa de buchas de parede (parafusos 'molly') ou âncoras de parede. "As prateleiras flutuantes são muito mais fáceis de sobrecarregar com o peso do que as prateleiras tradicionais", explica Gecaj.

Eletrodomésticos mais antigos

Os eletrodomésticos mais antigos podem acrescentar um pouco de classe à sua cozinha, é verdade. Contudo, não só estes aparelhos são difíceis de substituir, em caso de reparação, como alguns mesmo podem significar 'perigo'. Isto porque "têm uma probabilidade muito maior de provocar incêndios elétricos", sustenta Gecaj. Por exemplo, muitos fogões antigos também não estão equipados com características de segurança modernas. 

Tijolo exposto

A verdade é que o tijolo é poroso e um mau isolante, afirma Gecaj. Isto significa que a sua casa tornar-se-á menos eficiente, uma vez que os "tijolos expostos podem trazer humidade excessiva e uma variedade de insetos para dentro da sua casa", salienta o inspetor. Assim, caso compre uma casa com paredes de tijolo expostas, certifique-se de que aplica um vedante à parede para ajudar a protegê-la da sujidade, bem como da humidade.

Corrimãos 'mixing'

Os corrimãos podem não ser o elemento de design mais emocionante lá de casa. Ainda assim, existem razões de segurança que podem ajudar a prevenir quedas desagradáveis. "Os proprietários estão a remover os corrimãos presos às paredes e substituindo-os por cordas ou por bastões de hóquei", revela Welmoed Sisson, inspetor doméstico e autor do livro '101 Things You Don't Want in Your Home'. "Aqueles corrimãos DIY não passariam numa inspeção domiciliária", salienta.

Escadas flutuantes

Sobre o tema das escadas, Joe Tangradi, diretor de serviços técnicos da HouseMaster, deu conta de que escadas flutuantes estão a ser construídas tanto em novas construções como em casas renovadas. Contudo, este tipo de escadas são frequentemente atormentadas por problemas de segurança.

Isto porque, por um lado, é necessário um corrimão. Por outro, este tipo de escada poderá estar mais aberta com um espaçamento a exceder 4 polegadas, provocando quedas desnecessárias.

Leia Também: Decorar a casa? Esta nova plataforma reúne mais de 50 marcas de decoração

Campo obrigatório