Meteorologia

  • 29 NOVEMBRO 2021
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 16º

Edição

Finanças Crédito à habitação Juros do crédito à habitação (também...

Juros do crédito à habitação (também) caem na Região Autónoma da Madeira

Em julho de 2021, a taxa de juro implícita no crédito da casa, na Região Autónoma da Madeira (RAM), fixou-se em 0,708%. Este valor traduz um decréscimo de 0,002 pontos percentuais (p.p.) face ao mês anterior.

Juros do crédito à habitação (também) caem na Região Autónoma da Madeira

Os juros no crédito à habitação também caíram na Região Autónoma da Madeira. Em julho de 2021, a taxa de juro implícita no crédito à habitação, na Região Autónoma da Madeira (RAM), fixou-se em 0,708%. Este valor traduz um decréscimo de 0,002 pontos percentuais (p.p.) face ao mês anterior, informa a Direção Regional de Estatística da Madeira (DREM). Em julho de 2020, os juros no crédito à habitação foram de 0,864%.

De acordo com os dados da DREM, o valor médio da prestação vencida para o conjunto dos contratos de crédito da casa manteve-se nos 239 euros, os juros fixaram-se nos 35 euros e a amortização nos 204 euros.No mês homólogo, o valor médio da prestação vencida era de 231 euros.

Por sua vez, o montante do capital médio em dívida para os contratos de crédito à habitação aumentou, situando-se nos 58.811 euros, em julho, face aos 58.694 euros registados em junho de 2021. Em julho de 2020, o montante do capital médio em dívida para os contratos de crédito da casa foi de 57.811 euros.

Contudo, para a DREM é importante "salientar que o Decreto-Lei n.º 10-J/2020 estabelece um regime de moratória sobre as responsabilidades das famílias com o crédito à habitação." Isto porque "a moratória concede às famílias o direito de suspender o pagamento da prestação mensal com o crédito à habitação pelo período de seis meses."

"As várias instituições bancárias oferecem regimes flexíveis, quer quanto ao prazo, quer quanto às parcelas (juro e amortização de capital). Estas medidas traduzem-se na redução da prestação paga, em resultado da suspensão do pagamento dos juros, do capital amortizado ou de ambos, facto que é evidente quando se estabelecem comparações homólogas", sustenta a Direção Regional de Estatística da Madeira.

Recorde-se que a nível nacional, a taxa de juro implícita baixou para 0,8%.

Leia Também: Crédito à habitação. Taxa de juro implícita desceu para 0,8% em julho

Campo obrigatório