Meteorologia

  • 18 JUNHO 2021
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

Imobiliário Habitação Exposição irá analisar encontros soc...

Exposição irá analisar encontros sociais dentro das casas saudistas

Na Bienal de Arquitetura de Veneza, a exposição do Pavilhão da Arábia Saudita propõe analisar encontros sociais dentro das casas e alojamentos localizados no território saudita.

Pavilhão da Arábia Saudita na 17ª Bienal de Arquitetura de Veneza

Intitulado Acomodações, o Pavilhão da Arábia Saudita na 17ª Bienal de Arquitetura de Veneza propõe-se a analisar encontros sociais, em espaços de alojamento e dentro de casa, no território saudita, avança o Archdaily.

Com curadoria dos arquitetos Hussam Dakkak, Basmah Kaki, e Hessa AlBader e os curadores de Brooklin, Uzma Z, Rizvi e Murtaza Vali, irá realizar-se de 22 de Maio a 21 de Novembro de 2021, note-se.

Esta exposição relaciona visões da Arábia Saudita, do Reino Unido e do Kuwait, representando, assim, uma geração que testemunhou uma transformação cultural no país.

O pavilhão da Arábia Saudita será explorado, nesse sentido, através das lentes das quarentenas históricas e atuais, convidando os visitantes para sua exploração, retrospeção e análise. Ou seja, a exposição tripartida caracteriza-se como vários espaços dentro de um espaço, convidando assim os visitantes a analisar a relação entre inclusão e exclusão através da imagem. 

"A exposição traça a história dos recintos, examinando como o ambiente construído e o tecido urbano se adaptam para acomodar as condições de emergência e como o significado e o uso de tais espaços mudam ao longo do tempo", afirmam os curadores Uzma Z. Rizvi e Murtaza Vali, em declaração ao Archdaily.

"Por meio do Pavilhão Nacional da Arábia Saudita, esperamos inspirar uma maior compreensão das tensões entre os atos de separação inerentes à quarentena e os atos de acomodação necessários para continuar vivendo", sustentam. 

Leia Também: Exposição sobre como Portugal expôs e se expôs na arquitetura este sábado

Campo obrigatório