Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2022
Tempo
17º
MIN 13º MÁX 17º

Nova era na Smart. Lançado o #1, o que se segue no futuro?

Estivemos à conversa com o CEO da Smart, Bernardo Villa.

A Smart apresentou recentemente o #1, o seu primeiro SUV que ao mesmo tempo é o veículo que dá início a uma nova era na marca. Tivemos o primeiro contacto com o #1 em Lisboa, conduzimo-lo e a experiência deixou-nos bastante agradados. Conseguimos também 'meter a mão' na versão Brabus, a mais desportiva deste #1, e ficámos impressionados. Os preços também foram todos eles revelados, assim como a data de início de encomendas: 18 de outubro.

Como não queremos que as novidades fiquem por aqui, que tal saber mais sobre o futuro da Smart?

O Auto ao Minuto esteve à conversa com o CEO da Smart, na apresentação do #1 aos jornalistas, e o caminho a percorrer pela marca foi um dos tópicos falados com Bernardo Villa.

Sem rodeios, o homem forte da Smart em Portugal disse-nos que a base deste #1, a plataforma SEA, pode trazer nos próximos anos automóveis ainda de maiores dimensões ou... bem mais pequenos - como a Smart já nos habituou.

"Nós fechámos um capítulo da marca e abrimos um novo. Sempre dissemos que íamos desenvolver um novo portefólio de produtos sobre a égide do #(hashtag), que para nós significa a tendência, a digitalização, a tecnologia… O novo portefólio de produtos será comunicado a seu tempo, mas o importante e o que temos de ter presente é que este #1 é construído sobre uma plataforma modular SEA – específica para elétricos. Ela vai permitir-nos produzir carros maiores e também mais pequenos", disse Bernardo Villa, que garantiu que o caminho da Smart não passa por outro lado que não a eletrificação.

Notícias ao Minuto

"Todos os nossos futuros carros serão elétricos. Fomos pioneiros e a primeira marca em 2019 a converter todo o seu portefólio de combustão para elétrico, e já não vamos voltar para trás", notou.

Bernardo Villa acredita que tendência de países como a Noruega vai rapidamente chegar aos restantes países europeus e deixou ainda elogios às infraestruturas de carregamento que existem em Portugal.

"A Noruega, por exemplo, já está com 80% de automóveis elétricos, 10% são híbridos plug-in, e os restantes 10% estão divididos entre gasolina e diesel. Os clientes que optaram pela mobilidade elétrica dizem que já não vão voltar para trás. Esta é a tendência, que começou nos países nórdicos e vai começar a descer (...) Apesar de algumas limitações, Portugal tem das melhores infraestruturas de carregamento. A Mobi.e anunciou recentemente que de janeiro até ao fim de julho abriu 19 postos por semana. Se isto continuar, não tenho dúvidas que a mobilidade elétrica vem para ficar", frisou ainda o CEO da Smart.

Leia Também: Tudo sobre o novo Smart #1. Deixou de ser um Smart?

Leia Também: Smart #1. Já conduzimos o Smart mais desportivo e potente de sempre

Leia Também: Smart #1. Já sabemos todos os preços e quando chega a Portugal

Notícias ao Minuto 

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Gosta de automóveis? Toda a informação num clique

Seja a Gasolina, diesel, elétricos, hidrogénio e dicas, acompanhe as mais recentes novidades sobre desporto motorizado

Obrigado por ter ativado as notificações de Auto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório