Meteorologia

  • 02 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 10º MÁX 15º

Edição

Miguel Oliveira teve o pódio na mão, mas nem uma repetição mereceu

Realização televisiva do Mundial de MotoGP optou por não mostrar como ou em que curva caiu o piloto português durante o Grande Prémio da Emilia Romagna.

Miguel Oliveira teve o pódio na mão, mas nem uma repetição mereceu

O Mundial de MotoGP encontrou o campeão, este domingo, no Grande Prémio da Emilia Romagna. 'El Diablo', Fabio Quartararo, venceu o seu primeiro título na categoria principal e tornou-se no primeiro francês a conquistar o tão desejado ceptro no MotoGP. Uma queda de Pecco Bagnaia, quando se encontrava na liderança da corrida, permitiu a Quartararo festejar já em Misano.

Não estranhamos, portanto, que a queda do piloto da Ducati tenha merecido grande destaque naquele momento. Bagnaia caiu, o título mundial estava nas mãos de Quartararo, e este conseguiu agarrá-lo nas voltas que faltavam. Até aqui, tudo bem.

No entanto, Miguel Oliveira preparava-se para alcançar um pódio e sofreu uma queda poucos segundos após Bagnaia, quando faltavam quatro voltas para o final da corrida. A realização não mostrou o português naquele momento, mesmo que um pódio estivesse na mira para o piloto da KTM. O título mundial estava em jogo e conseguimos perceber isso. Porém, por que razão continuaram os adeptos sem saber como, de que forma ou em que curva caiu Miguel Oliveira? A única informação que obtivemos foi através de Rui Belmonte, comentador da SportTV, que contou de imediato o mais importante: Oliveira não tinha sofrido qualquer consequência física resultante da queda.

Festejos, celebrações, resumo da corrida e... nada de imagens de Miguel Oliveira. Nem nas redes sociais, nas horas que se seguiram à prova em solo italiano, o MotoGP mostrou a repetição do que tinha acontecido para o Falcão ter perdido o pódio.

Apenas volvidas quase 24 horas é que pudemos perceber o que se passou com o português. A organização do MotoGP elaborou um artigo no seu site oficial: "O que aconteceu a Miguel Oliveira em Misano?". Esta questão levantada pela própria organização é ótima. Porque deveria fazê-los pensar que a dúvida só existe por... culpa própria.

Como já fizemos menção, acreditamos que o natural destaque teria de ser dado à queda de Bagnaia e à conquista do título por parte de Fabio Quartararo. Mas mostrar alguns segundos de como Miguel Oliveira, um piloto que já venceu três corridas no MotoGP, perdeu um pódio era necessário, mesmo que tivesse sido feito após a corrida. Não só para os adeptos portugueses, mas como para todos os fãs da modalidade.

Voltando ao artigo, que felizmente responde à própria questão, é possível ver  o vídeo de Miguel Oliveira a levantar a sua moto e a explicação do português para o que aconteceu. "Perdi a frente na curva 14, senti dificuldade em controlar a moto com o depósito mais vazio e não evitei a queda", afirmou o piloto da KTM.

Leia Também: Quartararo sagra-se campeão do mundo. Miguel Oliveira cai e abandona

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Gosta de automóveis? Toda a informação num clique

Seja a Gasolina, diesel, elétricos, hidrogénio e dicas, acompanhe as mais recentes novidades sobre desporto motorizado

Obrigado por ter ativado as notificações de Auto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório