Meteorologia

  • 23 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

Planeta perto da Terra mostra grande promessa de vida

A estrela orbitada por este planeta é menos ativa que a prometedora Proxima Centauri b.

Planeta perto da Terra mostra grande promessa de vida
Notícias ao Minuto

11:36 - 15/11/17 por Notícias ao Minuto com Lusa

Tech Espaço

Um grupo de cientistas descobriram um exoplaneta a apenas 11 anos-luz da Terra, o Ross 128 b, que mostra grande promessa de vida. Ainda mais que o planeta a orbitar a nossa estrela mais próxima, a Proxima Centauri b.

O motivo para este entusiasmo prende-se com a própria estrela do planeta recém-descoberto, a Ross 128. “A estrela é mais calma e menos ativa… será mais fácil de caraterizar que a Proxima b”, contou ao Gizmodo uma das investigadoras associadas do Museu de História Natural Americano.

De acordo com Ricardo Reis, do grupo de comunicação do IA, a zona de habitabilidade é a zona a partir da qual um planeta está à distância correta da sua estrela para poder ter água líquida à superfície.

"Em estrelas anãs vermelhas como esta, a zona de habitabilidade é mais próxima, podendo o exoplaneta ter condições para albergar vida, mas há outros fatores determinantes, como o facto de haver radiação ou se tem massa suficiente para ter atmosfera", disse Ricardo Reis à Lusa.

Apesar de atualmente estar a 11 anos-luz da Terra, o sistema Ross 128 vai-se aproximando da Terra, e espera-se que se torne o vizinho mais próximo dentro de 71.000 anos, ultrapassando o Próxima b, que orbita a estrela Próxima Centauri.

A descoberta deste planeta "ilustra a capacidade já existente para encontrar, e no futuro caracterizar em detalhe e de forma recorrente, planetas que reúnam as condições necessárias para a presença de vida", referiu Nuno Cardoso Santos, astrofísico do IA e da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto (FCUP).

A equipa do IA, referiu, está a trabalhar "arduamente para atingir esse objetivo", tendo traçado um plano que inclui participações em missões espaciais da Agência Espacial Europeia (ESA) e em vários equipamentos do ESO, como o ELT ou o espetrógrafo ESPRESSO, que entrará em funcionamento ainda este mês e tem por objetivo procurar e detetar planetas parecidos com a Terra, capazes de suportar vida.

O resultado desta descoberta deu origem ao artigo "A temperate exo-Earth around a quiet M dwarf at 3.4 parsecs", publicado na Astronomy & Astrophysics, estando disponível na versão 'online'.

[Notícia atualizada às 12:14]

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório