Meteorologia

  • 16 JUNHO 2024
Tempo
19º
MIN 15º MÁX 25º

Especialistas em cibersegurança são poucos para carências na UE

Um Eurobarómetro divulgado hoje dá conta de que o número de especialistas em cibersegurança é insuficiente na generalidade dos países da União Europeia (UE).

Especialistas em cibersegurança são poucos para carências na UE
Notícias ao Minuto

12:28 - 22/05/24 por Lusa

Tech Cibersegurança

Em comunicado, a Comissão Europeia anunciou que o último Eurobarómetro aponta para uma escassez de competências na área da cibersegurança e para a necessidade de contratar mais especialistas "em toda a UE".

O Eurobarómetro está em linha com um relatório publicado recentemente pela Agência de Cibersegurança da União Europeia, que apontou a escassez de competências nesta área como um problema que persiste em quase todos os países do bloco comunitário e que aumenta as ameaças cibernéticas.

"Isto é uma grande ameaça" ao funcionamento do mercado único e dos próprios países, admitiu o executivo comunitário.

Por isso, o executivo de Ursula von der Leyen quer aumentar a "sensibilização, visibilidade das iniciativas de competências em cibersegurança e aumentar o número de profissionais capazes" no bloco político-económico.

O Eurobarómetro publicado hoje faz parte de uma estratégia da Academia de Competência em Cibersegurança lançada há um ano para "fortalecer sinergias entre iniciativas públicas e privadas a nível europeu e nacionais".

Este ano, a Comissão vai investir dez milhões de euros para apoiar projetos deste tipo.

Leia Também: Utilizadores devem desconfiar de "pedidos inusitados de dados sensíveis"

Recomendados para si

;

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório