Meteorologia

  • 28 JANEIRO 2022
Tempo
11º
MIN 9º MÁX 17º

Edição

Bill Gates: "Foi um ano de grande tristeza pessoal para mim"

A pandemia, o divórcio com Melinda e o facto de os filhos estarem fora de casa não tornaram 2021 um ano fácil para o co-fundador da Microsoft.

Bill Gates: "Foi um ano de grande tristeza pessoal para mim"

O co-fundador da Microsoft, Bill Gates, partilhou um novo texto no seu blogue pessoal onde refere que 2021 foi “o ano mais incomum e difícil” da sua vida, citando a pandemia, o divórcio e o facto de os filhos estarem fora de casa como as principais questões.

Gates nota que está a trabalhar em coisas “mais interessantes” mas admite que o divórcio tem sido um especial motivo de interesse entre os seus seguidores. “A Melinda e eu continuamos a liderar a nossa fundação juntos e descobrimos um novo bom ritmo de trabalho, mas não posso negar que tem sido um ano de grande tristeza pessoal para mim”, escreveu Gates.

Com os filhos fora de casa - Jennifer está casada e os outros dois, Phoebe e Rory, estão na universidade - Gates admite que o seu mundo pessoal “nunca fui tão pequeno como nos últimos 12 meses”. “Sinto falta deles em casa, mesmo que seja mais fácil concentrar-me em ler um livro ou trabalhar”, conta Gates.

Sobre a pandemia, Gates aproveita para deixar uma mensagem de esperança para o futuro com a ajuda das vacinas contra a Covid-19. “A minha esperança é que, em alguns anos, a única altura em que tenhas realmente de pensar sobre o vírus será quando tiveres de tomar uma vacina conjunta da Covid e da gripe a cada outono”, escreveu.

Leia Também: "A Microsoft de 2021 é muito diferente da de 2000"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório