Meteorologia

  • 23 JUNHO 2021
Tempo
15º
MIN 15º MÁX 27º

Edição

Pagamentos pelo WhatsApp vão voltar ao Brasil após suspensão do governo

O serviço foi inicialmente lançado em junho de 2020.

Pagamentos pelo WhatsApp vão voltar ao Brasil após suspensão do governo

O WhatsApp vai lançar novamente o serviço de pagamentos no Brasil, após ter sido suspendido dias depois de ter sido apresentado no país - em junho de 2020 - pelo Banco Central do Brasil, conta o The Verge. Na altura, o anúncio foi feito pelo CEO do Facebook, Mark Zuckerberg, num vídeo, onde explicava que a opção de pagamento ia também ser adicionada ao Facebook e ao Instagram. 

Agora, depois da suspensão, David Marcus, responsável pelo Facebook Financial, refere que o regresso do serviço no país vai fazer parte um regresso gradual. Foi entretanto publicado um vídeo onde o serviço é promovido e que afirma que o Facebook Pay tinha sido autorizado pelo Banco Central (o Facebook é a empresa-mãe do WhatsApp).

Quando o serviço foi lançado originalmente no Brasil e, em seguida, suspenso, o Banco Central alegava preocupações sobre a competição no mercado de sistema de pagamentos. Referiam que planeavam avaliar se o serviço estava de acordo com os regulamentos, apesar de o Facebook dizer que tinha estado em contacto com as autoridades antes do lançamento.

No final de março deste ano, a Reuters dava conta de que o Banco Central tinha aprovado o serviço.

Desta forma, com o serviço os utilizadores vão poder utilizar cartões de débito, pré-pagos ou combinados de diferentes bancos que estão a trabalhar com o processador de pagamento.

Leia Também: Instagram e Messenger terão encriptação em 2022

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório