Meteorologia

  • 24 JANEIRO 2020
Tempo
14º
MIN 8º MÁX 14º

Edição

O relógio da Apple pode vir a ajudar no tratamento de Parkinson

Patente aponta intenções da empresa em usar sensores para avaliar os tremores involuntários provocados pela doença.

O relógio da Apple pode vir a ajudar no tratamento de Parkinson

Uma patente avistada pelo AppleInsider no United States Patent and Trademark Office indica que a Apple poderá vir a usar o seu relógio inteligente, o Apple Watch, como forma de ajudar no tratamento de doentes de Parkinson.

Como nota a publicação, a utilização de sensores integrados no relógio permitira aos médicos acompanharem os doentes de forma mais eficaz. Através do Apple Watch, os médicos conseguiriam saber se os tremores são mais frequentes ou acentuados numa determinada altura do dia ou circunstância.

De notar que esta patente não deve servir como confirmação que a Apple pretende introduzir esta capacidade em modelos existentes ou futuros do Apple Watch. Porém, dado o trabalho que a empresa tem feito com edições passadas e que já fez chegar ao relógio a capacidade de emitir avisos em casos de insuficiência cardíaca, é bem possível que este seja um caminho em frente.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório