Meteorologia

  • 14 OUTUBRO 2019
Tempo
16º
MIN 13º MÁX 19º

Edição

O MIT criou um sensor para prevenir casos de abusos sexuais

O sensor em questão foi criado com ajuda de 300 pessoas que sofreram abusos sexuais no passado.

O MIT criou um sensor que pode vir a fazer a diferença em casos de abuso sexual, dando o primeiro alerta e procurando avisar contactos para o sucedido. O sensor foi criado com contribuições de 300 pessoas, as quais sofreram abusos sexuais no passado.

O sensor em questão pode ser colado a qualquer peça de roupa e consegue saber quando é que uma peça de roupa é tirada à força. Uma vez que note este tipo de atividade, o sensor envia uma mensagem para o smartphone da vítima para perceber se a relação sexual foi iniciada com consentimento.

Caso não haja uma resposta no espaço de 30 segundos, é emitido um alarme e 20 segundos depois é enviada uma mensagem para um contacto pré-definido com a localização. Além do contacto, é também iniciada uma chamada para que o ataque fique registado e ajude na investigação.

Estas medidas de segurança podem todas ser ativadas pela vítima, sendo que neste caso deve ser pressionado um botão específico. Acima pode ver um vídeo sobre o desenvolvimento deste sensor.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório