Meteorologia

  • 24 AGOSTO 2019
Tempo
--º
MIN --º MÁX --º

Edição

Agência espacial indiana programa missão lunar para a próxima semana

A agência espacial da União Indiana informou hoje que vai efetuar na próxima segunda-feira o lançamento da nave não-tripulada para a Lua depois de a missão ter sido abortada esta semana.

Agência espacial indiana programa missão lunar para a próxima semana
Notícias ao Minuto

09:25 - 18/07/19 por Lusa

Tech Espaço

O organismo Indian Space Research Organization disse que o lançamento da Chandrayaan-2 foi agendado para a madrugada da próxima segunda-feira acrescentando que os especialistas corrigiram os problemas técnicos que tinham sido detetados.

A missão que pretende enviar para a Lua uma nave de 640 toneladas foi cancelada na segunda-feira passada, uma hora antes do lançamento.

A Chandrayaan, que em sânscrito significa "cratera", foi projetada para alunar no pólo sul do satélite da Terra e está equipada com um veículo que vai explorar depósitos de água detetados pelas missões orbitais que a agência espacial indiana realizou anteriormente.

K. Sivan, presidente da Indian Space Research Organization disse que a missão Chandrayaan-2 custou 140 milhões de dólares e é a mais significativa operação espacial da União Indiana devido às complexidades técnicas envolvidas na alunagem.

O responsável descreveu a alunagem como "terríveis 15 minutos" referindo-se ao tempo que vai durar a operação.

Caso a missão tenha sucesso a União Indiana passa a ser o quarto país a conseguir alunagens do mesmo género, depois das operações dos Estados Unidos, Rússia e República Popular da China.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório