Meteorologia

  • 24 MAIO 2019
Tempo
21º
MIN 19º MÁX 24º

Edição

Leica banida de rede social chinesa. Parceria com Huawei em risco?

A fabricante de lentes publicou um vídeo onde eram visíveis imagens dos protestos na Praça Tiananmen de 1989.

Leica banida de rede social chinesa. Parceria com Huawei em risco?
Notícias ao Minuto

09:25 - 23/04/19 por Miguel Patinha Dias 

Tech Protestos

A Leica foi banida da rede social chinesa Weibo depois de partilhar um vídeo que, diz o Digital Trends, mostrava imagens dos protestos na Praça Tiananmen de 1989.

O vídeo promocional foi criado por uma agência publicitária sediada no Brasil como forma de celebrar jornalistas com câmaras Leica, incluindo entre as imagens usadas algumas filmagens do tema que, recorde-se, é proibido no território chinês.

De notar que a Leica é uma conhecida parceira da Huawei, tendo colaborado na certificação das câmaras dos smartphones da empresa chinesa desde a série P9 em 2016. Agora, muitos utilizadores da Weibo apontam que esta parceria pode estar em risco.

Entretanto, a Leica está a tentar distanciar-se do vídeo lançado pela agência publicitária e removeu-o do YouTube. “A Leica Camera AG deve, portanto, distanciar-se do conteúdo mostrado no vídeo e lamenta qualquer mal-entendido ou conclusões falsas que podem ter sido tiradas”, declarou um representante da Leica ao South China Morning Post.

Leia mais: Veja o derradeiro teste de resistência ao novo topo de gama da Huawei

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório