Meteorologia

  • 06 DEZEMBRO 2019
Tempo
14º
MIN 10º MÁX 17º

Edição

Leica banida de rede social chinesa. Parceria com Huawei em risco?

A fabricante de lentes publicou um vídeo onde eram visíveis imagens dos protestos na Praça Tiananmen de 1989.

Leica banida de rede social chinesa. Parceria com Huawei em risco?

A Leica foi banida da rede social chinesa Weibo depois de partilhar um vídeo que, diz o Digital Trends, mostrava imagens dos protestos na Praça Tiananmen de 1989.

O vídeo promocional foi criado por uma agência publicitária sediada no Brasil como forma de celebrar jornalistas com câmaras Leica, incluindo entre as imagens usadas algumas filmagens do tema que, recorde-se, é proibido no território chinês.

De notar que a Leica é uma conhecida parceira da Huawei, tendo colaborado na certificação das câmaras dos smartphones da empresa chinesa desde a série P9 em 2016. Agora, muitos utilizadores da Weibo apontam que esta parceria pode estar em risco.

Entretanto, a Leica está a tentar distanciar-se do vídeo lançado pela agência publicitária e removeu-o do YouTube. “A Leica Camera AG deve, portanto, distanciar-se do conteúdo mostrado no vídeo e lamenta qualquer mal-entendido ou conclusões falsas que podem ter sido tiradas”, declarou um representante da Leica ao South China Morning Post.

Leia mais: Veja o derradeiro teste de resistência ao novo topo de gama da Huawei

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Recebe truques e dicas sobre Internet, iPhone, Android, Instagram e Facebook!

O mundo tecnológico em noticias, fotos e vídeos.

Obrigado por ter ativado as notificações de Tech ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser

Campo obrigatório