Meteorologia

  • 19 SETEMBRO 2018
Tempo
19º
MIN 18º MÁX 19º

Edição

André Ventura (novamente) processado por declarações sobre etnia cigana

O político e comentador televisivo volta a estar debaixo de fogo por afirmações relativas à comunidade cigana, estando indiciado por ódio e discriminação racial. “É uma perseguição à moda antiga”, considera em declarações ao Notícias ao Minuto, acrescentando: “Até posso ir para a prisão, mas é aquilo em que acredito”.

André Ventura (novamente) processado por declarações sobre etnia cigana
Notícias ao Minuto

07:45 - 23/02/18 por Patrícia Martins Carvalho 

Política Polémica

Uma publicação feita por André Ventura na sua página pessoal do Facebook, a 15 de novembro passado, valeu ao ex-candidato à Câmara Municipal de Loures um novo processo, disse o mesmo ao Notícias ao Minuto.

O processo de inquérito administrativo foi levantado pela Comissão para a Igualdade e Contra a Discriminação Racial. Em causa está o facto de André Ventura ter criticado naquela rede social a RTP por ter noticiado um caso de agressões a um segurança e a uma enfermeira no Hospital de Beja e não ter referido que as mesmas partiram de elementos de etnia cigana.

“É uma perseguição à moda antiga”, reage o vereador da autarquia de Loures ao Notícias ao Minuto, lamentando o facto de “andarem a policiar” a sua conta pessoal do Facebook e considerando que se trata de um atentado à sua liberdade de expressão.

“Tudo isto me leva a crer que é só um pretexto para continuarem com esta ação persecutória”, diz o comentador televisivo, garantindo que vai “defender” aquilo em que acredita para “defender” o seu “bom-nome”, começando pelas declarações que vai prestar no dia 26 de março, tal como foi notificado para o fazer.

“Existe em Portugal um tabu. Não vou deixar de falar neste problema que existe só porque tem uma dimensão étnica”, afirma, considerando este um “assunto muito importante para ceder a qualquer tipo de pressão”.

“Até posso ir para a prisão, mas é aquilo em que acredito”, remata o jurista, referindo-se à necessidade de discutir questões que envolvem a comunidade cigana e os atos de violência.

Recorde-se que André Ventura já havia sido alvo de um processo depois das declarações feitas numa entrevista ao Notícias ao Minuto, em julho do ano passado, nas quais afirmou que “há minorias que se acham acima da lei” e que fez estalar a polémica durante a campanha eleitoral para as autárquicas, tendo-lhe valido, inclusivamente, a retirada de apoio por parte do CDS à sua candidatura à Câmara de Loures.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório