Meteorologia

  • 18 FEVEREIRO 2018
Tempo
17º
MIN 16º MÁX 17º

Edição

"Políticos como Schulz são raros. Com grande dignidade, sai de cena"

A deputada do Partido Socialista deixa elogios ao líder demissionário do SPD, tanto enquanto político, como quanto pessoa. "Os socialistas europeus e a Europa precisam de ti”, diz Edite Estrela referindo a Schulz.

"Políticos como Schulz são raros. Com grande dignidade, sai de cena"
Notícias ao Minuto

14:44 - 14/02/18 por Tiago Miguel Simões

Política Edite Estrela

A deputada do PS, Edite Estrela, comentou a situação vivida por Martin Schulz, a quem deixou rasgados elogios enquanto político e pessoa. Depois de o alemão anunciar a sua saída da presidência do Partido Social-Democrata alemão (SPD), após o anúncio de que aceitou constituir um governo de coligação com a líder dos conservadores, Angela Merkel (CDU).

Na sua página na rede social Facebook, Edite Estrela escreveu que o líder demissionário do (SPD) “Martin Schulz é um dos grandes políticos europeus da atualidade. Culto, intuitivo, conhecedor como poucos da política europeia e do que deve ser feito para reforçar a União. Admiro o político e mais ainda o ser humano de superior qualidade. Sério, franco, autêntico, dialogante mas sem receio de fazer ruturas, sensível, emotivo (um alemão muito latino)... faz política por convicção e paixão”.

A deputada do PS recorda ainda que Schulz "foi um excelente presidente do Parlamento Europeu e, antes, líder parlamentar dos socialistas europeus", tendo "em ambas as funções" ajudado "muito Portugal".

"Nunca escondeu, aliás, o quanto gosta do nosso país, da nossa Cultura, da nossa Literatura. Um aliado que nunca nos faltou", destaca a socialista.

Edite Estrela comenta ainda o “difícil” embate que o político alemão travou contra Merkel. “Queria ficar na oposição e as circunstâncias obrigaram-no a negociar e renovar a grande coligação. Um processo longo, difícil e desgastante. Com o SPD dividido, Martin Schulz deixa a liderança do partido e não vai integrar o governo de coligação. Fez tudo o que estava ao seu alcance para unir e reforçar o SPD. Também por isso se sacrifica. Com grande dignidade, sai de cena. Só posso lamentar, porque políticos como Martin Schulz são raros. Espero que voltes depressa, Martin. Os socialistas europeus e a Europa precisam de ti”, remata.

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo segundo ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório

Os cookies ajudam-nos a melhorar a sua experiência como utilizador.

Ao utilizar o nosso website, está a aceitar o uso de cookies e a concordar com a nossa política de utilização.