Meteorologia

  • 24 NOVEMBRO 2017
Tempo
15º
MIN 14º MÁX 15º

Edição

'Verdes' querem formar população e saber cabimento orçamental de medidas

A deputada de 'Os Verdes' (PEV) anunciou hoje duas iniciativas no parlamento para sensibilização e formação das populações de autoproteção contra incêndios e ignições negligentes, questionando ainda o Governo sobre o cabimento orçamental das medidas anunciadas.

'Verdes' querem formar população e saber cabimento orçamental de medidas
Notícias ao Minuto

14:41 - 23/10/17 por Lusa

Política Incêndios

Heloísa Apolónia, que falava após encontro com dirigentes comunistas, na sede nacional do PCP, Lisboa, reforçou o empenho na "reposição de direitos e rendimentos às famílias portuguesas" e seu "efeito positivo na economia" e questionou o executivo socialista sobre o enquadramento orçamental das medidas anunciadas no Conselho de Ministros extraordinário de sábado.

"Queremos perceber como é que os 400 milhões de euros anunciados pelo Governo para o conjunto de medidas têm enquadramento orçamental. É preciso que o país perceba. E estas medidas que 'Os Verdes' estão a acrescentar e o Governo também, queremos também que constem do orçamento do Estado", afirmou, revelando estar já agendada uma reunião com o Governo para esta semana.

O ministro do Planeamento e Infraestruturas, Pedro Marques, afirmou, na tarde de sábado, que será disponibilizada uma verba total "entre 300 e 400 milhões de euros" para recuperação das habitações e das infraestruturas de empresas e autarquias e para apoio ao emprego e ao setor agrícola e florestal.

Diversas medidas foram anunciadas pelo Governo, que se sentou à mesa para discutir, durante 11 horas, a reforma nos sistemas de prevenção e combate aos incêndios e adotar medidas de emergência de apoio às vítimas, depois dos incêndios de Pedrógão Grande (junho) e da zona Centro (15 e 16 de outubro), que provocaram a morte a mais de 100 pessoas e deixaram um rasto de destruição de casas, empresas e património florestal.

A líder parlamentar revelou a entrega, "hoje mesmo", de "um projeto de resolução que recomenda ao Governo que esse trabalho de sensibilização e informação aos cidadãos sobre a sua autoproteção seja de facto realizado".

"Não podemos esperar mais. Tudo tem de vir para o terreno. Tudo tem de ser construído rapidamente para que as respostas possam ser dadas efetivamente e que, no próximo ano, não tenhamos de ficar à espera que as coisas sejam construídas", continuou.

Outra iniciativa do PEV relaciona-se com campanhas de esclarecimento sobre as denominadas 'queimadas' e outras práticas que podem contribuir para a propagação de fogo na floresta.

"Sabendo que as situações dolosas têm um peso considerável na ignição de fogos florestais decorrentes de ação humana negligente... 'Os Verdes' vão também apresentar um projeto para que haja uma de sensibilização - o Estado também tem essa responsabilidade - relativamente à necessidade de evitar conscientemente as ignições negligentes, direcionada a grupos muito específicos", disse.

Seja sempre o primeiro a saber. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório