Meteorologia

  • 25 JUNHO 2022
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 23º

"Não é aceitável mais um ano sem mudanças prometidas nos recibos verdes"

Bloco de Esquerda luta por novo regime para os trabalhadores a recibos verdes, apesar da recusa do Governo.

"Não é aceitável mais um ano sem mudanças prometidas nos recibos verdes"
Notícias ao Minuto

07:21 - 11/10/17 por Goreti Pera

Política José Soeiro

O Governo voltou a adiar o novo regime contributivo dos trabalhadores independentes. As novas regras relativas aos recibos verdes são uma das prioridades do Bloco de Esquerda, que queria vê-las aprovadas já este mês de outubro.

O Executivo pretende que a medida só se aplique em janeiro de 2019. E o partido liderado por Catarina Martins não se conforma e acusa mesmo o Governo de não cumprir todos os compromissos assumidos.

Na sua página no Facebook, José Soeiro reiterou a importância de uma mudança no que aos trabalhadores independentes diz respeito. É um problema “que haja trabalhadores a recibo verde que estão desde 2016 à espera que sejam concretizadas as novas regras que foram acordadas”, começa por escrever o deputado bloquista.

Estes trabalhadores, acrescenta, “estão desde 2016 à espera que seja alargada a proteção social (desemprego, doença, assistência a filho)”.

Para José Soeiro, “não é aceitável que o Governo passe mais um ano sem fazer as mudanças prometidas”. “E é nessa luta que estamos”, remata.

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório