"Estudo da dor e geriatria" deve integrar ensino. PSD apresentou projeto

A social-democrata Teresa Morais considera “incompreensível” que estas sejam matérias que ainda não estejam incluídas no ensino superior.

© Teresa Morais
Política Teresa Morais

“Estudo da dor e geriatria” é na opinião de Teresa Morais matéria essencial e deve estar incluída nos cursos superiores da área da saúde. Exatamente por isso, e tal como apresentou na sua página oficial do Facebook, “o PSD apresentou um projeto de recomendação” que prevê a inclusão destes dois tópicos nos cursos.

PUB

Assim como explicou a vice-presidente do partido, “estas ainda não são matérias de estudo obrigatório na formação inicial dos profissionais da saúde, ao contrário do que acontece na larga maioria dos países europeus”.

Mas como Portugal tem “atualmente mais de 20% da sua população com 65 e mais anos de idade e prevendo-se que esse número atinja um terço da população em 2050, é incompreensível que não se avance com o alargamento do ensino destas matérias a todos os profissionais da saúde”, defendeu.

Recentemente, a deputada também partilhou nas redes sociais que o seu partido entregou no Parlamento uma “recomendação” que prevê a “regulamentação das Universidades Seniores e a valorização do seu papel na comunidade”.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS

Seja o primeiro a saber todas as novidades de Politica

Obrigado por ter ativado as notificações do Desporto ao Minuto.

É um serviço gratuito, que pode sempre desativar.

Notícias Ao Minuto Saber mais sobre notificações do browser