"Quanto melhor vai a Europa, melhor vão Portugal e Espanha"

O rei Felipe VI falou no Parlamento, esta quarta-feira, sobre a relevância de Portugal e Espanha na Europa.

© Global Imagens
Política Rei Felipe VI

Os reis de Espanha foram recebidos numa sessão solene na Assembleia da República, no âmbito da sua visita oficial a Portugal, e o rei Felipe VI falou “de coração aberto” perante os representantes do povo português.

PUB

Entre muitos assuntos que unem Portugal e Espanha, o rei espanhol falou sobre a importância de ambos os países para a Europa, tal como da Europa para os países da Península Ibérica.

“Para ambos os países, a incorporação no projeto europeu pôs em marcha um dos motores que mais impulsionou o nosso projeto económico e desenvolvimento social”, começou por dizer, referindo que as nações “contribuíram para que os Estados-membros valorizem a importância de estreitar vínculos com a Iberamerica, com os países africanos de língua portuguesa e com alguns do Oriente extremo mas próximos da história peninsular”.

O rei Felipe VI garantiu que “Portugal e Espanha mantêm contactos permanentes para defender posições de interesses coincidentes e para o respeito do cumprimento de políticas comunitárias”, apoiando-se mutuamente em momentos de dificuldade.

“Quanto melhor vai a Europa, melhor vão Portugal e Espanha. Quanto melhor caminhem Espanha e Portugal, melhor caminhará a Europa”, garantiu o rei, rematando um discurso de cerca de 20 minutos.

A intervenção do rei de Espanha na sala de sessões do parlamento português, onde há 16 anos também o seu pai discursou, foi aplaudida de pé pelo primeiro-ministro e restantes membros do Governo presentes e pelos grupos parlamentares do PSD, PS e CDS-PP.

Os deputados da bancada do PCP levantaram-se, mas não aplaudiram a intervenção de Filipe VI. Já o grupo parlamentar do Bloco de Esquerda nem se levantou depois do discurso do rei de Espanha.

COMENTÁRIOS REGRAS DE CONDUTA DOS COMENTÁRIOS