Meteorologia

  • 25 JULHO 2024
Tempo
20º
MIN 19º MÁX 28º

Galamba não teve acesso a escutas com Costa e reitera despedimento da CEO

O antigo ministro reiterou os fundamentos do despedimento da CEO da TAP.

Galamba não teve acesso a escutas com Costa e reitera despedimento da CEO
Notícias ao Minuto

23:21 - 20/06/24 por Notícias ao Minuto

Política Escutas

João Galamba afirmou esta quinta-feira não ter tido acesso às polémicas escutas nas quais, em conversa com António Costa, falam sobre a saída de Alexandra Reis da TAP. 

"Sobre as escutas, a CNN sabe mais do que eu porque eu ainda não tive acesso a elas. Estranho que, num caso desta natureza, haja uma televisão que tenha conhecimento que não tenho", disse, num espaço de comentário do canal. 

O antigo ministro reiterou ainda os fundamentos do despedimento da CEO da TAP. "Repito o que disse quando o anunciei: os fundamentos são o relatório da Inspeção-Geral de Finanças (IGF) onde consta que a CEO e o chairman violaram normas legais", afiançou. 

"O que seria estranho era se o Governo mantivesse em funções dois membros do Conselho de Administração que tinham violado uma norma. E sobre isso não mudo uma vírgula", disse ainda João Galamba. 

Recorde-se que a investigação do MP visa as escutas divulgadas na terça-feira pela CNN Portugal, entre elas uma que apanha António Costa a ligar a João Galamba para ordenar a demissão da presidente executiva da TAP, por motivos políticos, depois da polémica indemnização de 500 mil euros à ex-administradora Alexandra Reis.

Foram ainda divulgadas fotografias que mostravam a forma como 75.800 euros em notas estavam escondidos na sala do Palácio de São Bento, onde trabalhava o então chefe de gabinete de António Costa, Vítor Escária, um dos cinco detidos no âmbito do processo Influencer, em novembro passado.

Leia Também: Santos Silva ouvido em escutas? "Não me deixo impressionar nem intimidar"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório