Meteorologia

  • 23 JUNHO 2024
Tempo
22º
MIN 17º MÁX 29º

Isenção de portagens? Ex-vice de Gaia apela a PS que inclua A29 e A41

O ex-vice-presidente da Câmara de Vila Nova de Gaia e ex-deputado do PSD, Firmino Pereira, apelou hoje ao grupo parlamentar do PS para que inclua a A29 e a A41 na proposta de isenções das portagens.

Isenção de portagens? Ex-vice de Gaia apela a PS que inclua A29 e A41
Notícias ao Minuto

13:42 - 24/05/24 por Lusa

Política Portagens

Numa declaração enviada à agência Lusa, Firmino Pereira recorda a importância que a autoestrada A29, bem como a A41, da chamada Circular Regional Exterior do Porto (CREP), têm para o concelho de Vila Nova de Gaia, no distrito do Porto.

"É incompreensível que parte da A29 em Gaia, que foi construída em cima do traçado da Estrada Nacional 109, continue a ter pórticos, nomeadamente o de Gulpilhares, que muitos utentes evitam e circulam em ruas secundárias da malha urbana de Vila Nova de Gaia", refere.

Em relação à A41, para o ex-deputado "esta via deveria deixar de ter portagens [porque], se tivesse utilização, poderia aliviar a saturada e congestionada Via de Cintura Interna (VCI)".

"A alternativa da A29 é andar em ruas secundárias de Gaia, normalmente, muito congestionadas e sem capacidade para tanto tráfego rodoviário, e a A41 (CREP) poderia servir com muita utilidade à nossa VCI que é um suplicio para os automobilistas", resume.

O social-democrata quer que o grupo parlamentar do PS, que conseguiu, contra a vontade do Governo que queria que a redução fosse gradual, aprovar o fim das portagens nas ex-scuts, inclua a A29 e a A41 na proposta final.

"O PS na atual Assembleia da República conseguiu fazer aprovar o fim das portagens nas ex-scuts [A4, A13 e A 13-1, A22. A23. A24, A25 e A28] a partir de 01 de janeiro de 2025 (...). Firmino Pereira lança um apelo ao grupo parlamentar do PS, autor da proposta das isenções das portagens, para incluir estas duas vias [A29 e A41] no projeto final a aprovar na Assembleia da República", lê-se no texto enviado à agência Lusa.

Firmino Pereira refere que as scuts foram construídas como um modelo sem custos para o utilizador, "princípio alterado em 2010, pelo governo socialista de José Sócrates, que decidiu avançar com a introdução de portagens em todas as concessões scuts", criticou.

Na mesma declaração, o ex-vice-presidente da Câmara de Gaia acusa o atual de "inação", pedindo-lhe que reivindique e se manifeste pela defesa da isenção das portagens da A29 e A41.

A A41, ou CREP, é uma autoestrada de 62 quilómetros que circunda a Área Metropolitana do Porto.

Estima-se que sirva mais de 1,1 milhões de habitantes.

Já a A29, conhecida também por autoestrada da Costa da Prata, liga a A25 junto à localidade de Ângela, no concelho de Albergaria-a-Velha, à CRIP (Circular Regional Interior do Porto), em Vilar de Andorinho, Gaia.

Constitui-se como uma alternativa paralela à A1 nas viagens entre Aveiro e o Porto, tendo sido, durante muitos anos, descrita não como autoestrada, mas como via rápida.

Leia Também: Leiria quer fim das portagens na Variante da Batalha e em troços da A8

Recomendados para si

;
Campo obrigatório