Meteorologia

  • 28 MAIO 2024
Tempo
19º
MIN 14º MÁX 28º

Dois candidatos disputam liderança da distrital do PSD de Coimbra

O atual presidente da distrital do PSD de Coimbra, Paulo Leitão, e o presidente da concelhia de Miranda do Corvo, José Miguel Ramos, disputam no sábado a liderança da distrital social-democrata de Coimbra, com olhos postos nas autárquicas de 2025.

Dois candidatos disputam liderança da distrital do PSD de Coimbra
Notícias ao Minuto

11:23 - 18/04/24 por Lusa

Política PSD

As eleições para os órgãos distritais do PSD de Coimbra vão decorrer no sábado, entre as 14h00 e as 19h00, num ato ao qual concorrem duas listas, afirmou à agência Lusa Maurício Marques, presidente da Mesa da Assembleia Distrital, órgão responsável pela receção das candidaturas.

À liderança, concorrem Paulo Leitão, antigo deputado e antigo vereador na Câmara de Coimbra, e José Miguel Ramos, presidente da concelhia social-democrata de Miranda do Corvo e gestor de projetos hoteleiros.

Face à proximidade das eleições autárquicas de 2025, os dois candidatos assumem como principal desígnio garantir que o PSD passe a liderar a maioria dos municípios no distrito, algo que não acontece desde 2005.

Paulo Leitão disse à agência Lusa que o principal motivo da recandidatura está relacionado "com os resultados obtidos" nas autárquicas de 2021, em que o PSD "reconquistou a liderança de três municípios [Penacova, Góis e Coimbra, a última numa coligação] e, nas restantes, que são lideradas pelo PS, subiu consideravelmente em votos e mandatos".

Também José Miguel Ramos assumiu como "grande ambição" que os sociais-democratas passem a ser maioritários no distrito, considerando que, para isso, será importante "ativar e dinamizar estruturas", abrir o partido e assegurar "um programa de desenvolvimento para a região a dez anos".

Os dois candidatos veem com bons olhos uma recandidatura do atual presidente da Câmara de Coimbra, José Manuel Silva, que encabeçou uma coligação que juntou PSD, CDS-PP e outros partidos, bem como o movimento Somos Coimbra, cujos membros foram incluídos nas listas através do Nós, Cidadãos!.

Também relativamente à Figueira da Foz, as duas listas defendem um diálogo com Santana Lopes, atual presidente da Câmara eleito por um movimento independente, para uma possível recandidatura pelo PSD ou que agregue as duas forças.

Para além das eleições para a distrital, decorrem também no sábado as eleições para várias das concelhias, entre as quais a de Coimbra, onde foram apresentadas duas listas, uma encabeçada pelo atual presidente, João Francisco Campos, e outra liderada pela antiga diretora regional da Cultura do Centro, Celeste Amaro, afirmou à agência Lusa a presidente da Mesa da Assembleia Geral da concelhia, Paula Alves.

Leia Também: Europeias? Sérgio Humberto indicado como candidato do PSD pelo Porto

Recomendados para si

;
Campo obrigatório