Meteorologia

  • 22 ABRIL 2024
Tempo
18º
MIN 14º MÁX 27º

Rui Rocha desvaloriza sondagens e confia numa "onda liberal" até dia 10

O presidente da Iniciativa Liberal, Rui Rocha, desvalorizou hoje as sondagens que dão o partido atrás do Bloco de Esquerda, manifestando-se confiante numa "onda liberal" até ao dia das eleições legislativas.

Rui Rocha desvaloriza sondagens e confia numa "onda liberal" até dia 10
Notícias ao Minuto

14:26 - 01/03/24 por Lusa

Política Iniciativa Liberal

"Nós não valorizamos sondagem a sondagem. Não me entusiasmo demasiado com aquelas que dizem que temos bons resultados e não fico com o sentimento contrário em outras em que os resultados não são tão bons, o que me preocupa é a proposta da Iniciativa Liberal", afirmou Rui Rocha no final de uma visita à Bolsa de Turismo de Lisboa (BTL).

O dirigente respondia a perguntas dos jornalistas sobre a sondagem da véspera feita pelo ICS e ISCTE para a SIC e Expresso que coloca a Aliança Democrática à frente do PS e o BE à frente da IL.

Na primeira ação do dia de campanha para as eleições antecipadas de março, e apesar das perguntas sobre aquela sondagem, o dirigente liberal defendeu que as sondagens são informações e que o que importa à IL são as tendências.

"Eu estou muito confiante em que até dia 10 de março nós vamos ter uma onda liberal a formar-se no país e a dar testemunho da necessidade de transformação através da baixa de impostos e de medidas concretas na saúde, na habitação e para as famílias portuguesas", argumentou.

Segundo Rui Rocha, a tendência que a IL tem identificado no terreno, nomeadamente no contacto com as pessoas, é um crescimento da IL que se mantém, independentemente de cada sondagem.

Por isso, nesta última semana de campanha, Rui Rocha disse que vai continuar a afirmar a mensagem da Iniciativa Liberal que passa, sobretudo, pela necessidade de mudar e transformar o país e pô-lo a crescer pela positiva.

Leia Também: Eleições. Saúde entre temas no dia em que IL pediu maioria clara com a AD

Recomendados para si

;
Campo obrigatório