Meteorologia

  • 20 ABRIL 2024
Tempo
16º
MIN 15º MÁX 23º

Contactos com eleitores e visitas na área da saúde na agenda da AD e PS

Os líderes do PSD e do PS vão dedicar-se hoje a contactos com a população no centro do país e a visitas na área da saúde, terminando este sexto dia de campanha com os habituais comícios.

Contactos com eleitores e visitas na área da saúde na agenda da AD e PS
Notícias ao Minuto

06:43 - 01/03/24 por Lusa

Política Legislativas

A dez dias das eleições legislativas antecipadas, o líder do PSD e da coligação Aliança Democrática, Luís Montenegro, inicia a sua campanha de hoje com uma arruada que inclui visitas ao comércio tradicional na Guarda, seguindo depois para o distrito de Aveiro, onde visita a Escola Superior de Saúde da Cruz Vermelha, o Centro de Arte Oliva e intervém num comício em Santa Maria da Feira.

Já Pedro Nuno Santos, secretário-geral do PS, passará grande parte do dia no distrito de Castelo Branco em contactos com a população, com uma visita ao Hospital da Cova da Beira e participa em dois comícios com um intervalo de três horas, um em Castelo Branco e outro na Guarda.

O presidente do Chega, André Ventura, terá os habituais dois comícios diários do partido, um em Lamego, ao início da tarde, e o segundo já em Vouzela, à hora do jantar, enquanto Rui Rocha, líder da Iniciativa Liberal, visita a Bolsa de Turismo de Lisboa e participa também num jantar/comício em Braga.

Pelo Alentejo estará o secretário-geral do PCP, Paulo Raimundo, com um programa que prevê contactos com os trabalhadores da empresa Aernnova, ligada à aeronáutica, e um jantar da coligação CDU em Arraiolos.

A caravana do BE vai hoje fazer uma viagem de comboio entre a Covilhã e a Guarda e, em Coimbra, a coordenadora do partido Mariana Mortágua realiza uma arruada e um comício.

A porta-voz do PAN, Inês Sousa Real, vai visitar a associação de proteção animal Arca do Amor em Mafra e fazer campanha na estação de comboios de Entrecampos, enquanto Rui Tavares, do Livre, dedica o dia a visitar uma creche para discutir o tema da semana de quatro dias.

Mais de 10,8 milhões de portugueses são chamados a votar em 10 de março para eleger 230 deputados à Assembleia da República.

A estas eleições concorrem 18 forças políticas, 15 partidos e três coligações.

Leia Também: Montenegro já experimentou fato que "é exclusivo de primeiro-ministro"

Recomendados para si

;
Campo obrigatório