Meteorologia

  • 22 FEVEREIRO 2024
Tempo
14º
MIN 12º MÁX 17º

"Há um país em obras". É preciso "intensificar" trabalho que já "começou"

Socialista notou que "o alargamento do parque público de habitação é um instrumento muito importante".

"Há um país em obras". É preciso "intensificar" trabalho que já "começou"
Notícias ao Minuto

12:14 - 12/02/24 por Notícias ao Minuto

Política PS

O secretário-geral do Partido Socialista (PS), Pedro Nuno Santos, defendeu, esta segunda-feira, que "há um país em obras" e que é preciso "intensificar" um trabalho que já começou na Habitação para "responder às necessidades" da população.

Esta posição foi partilhada em declarações aos jornalistas, durante uma visita aos trabalhos de reabilitação integral do Bairro Vila Verde, no Entroncamento. 

Interrogado sobre a visita serve para mostrar "obra feita", Pedro Nuno Santos foi direto: "Para todos percebermos que há um país em obra, a construir, a reabilitar" notou, frisando que em causa está um "bairro devoluto há 20 anos", que agora tem "obras concluídas" e prontas a ser entregues "em março", com um concurso já lançado.

"Mostra que há um país em obras, que está a fazer casas, a reconstruir casas para a nossa população e era isso que eu queria mostrar. Queria mostrar que é um trabalho que começou, que está a começar a dar frutos, que é preciso intensificar", disse.

"É aqui no Entroncamento, como é em Lisboa", ressalvou, apontando ainda que as "casas existem porque houve programas que o Governo lançou".

Interrogado sobre se não dá razão ao presidente do Partido Social Democrata (PSD), Luís Montenegro", uma vez que ambos defendem mais construção, Pedro Nuno Santos atirou: "Por acaso eu não o vi a falar de construção pública. Eu não dou razão nenhuma, quanto muito é o PSD que nos dá razão a nós, porque nós estamos a fazer, o trabalho está a acontecer e nós queremos intensificá-lo".

"Esta é a melhor forma de respondermos às necessidades da nossa população. Construir, reabilitar, aproveitar património publico, isso é o trabalho que estamos a fazer", afirmou.

O socialista notou que esta "não é a única resposta para a Habitação" que o PS quer "dar", mas que "o alargamento do parque público de habitação é um instrumento muito importante".

Para o secretário-geral do PS "este é um bom exemplo de como devemos trabalhar em Portugal": "programas desenhados pela administra central, financiados pela administração central mas todo o trabalho de identificação das necessidades e de execução é das autarquias".

"Não existem balas de prata para resolver o problema da Habitação, mas este é um dos caminhos que nós temos de intensificar", reiterou.

"Nós queremos fazer casas, queremos reabilitar, queremos responder às necessidades do nosso povo, a Direita, quando tem oportunidade de nos acompanhar e apoiar, trava", completou.

Leia Também: "Apontar ao futuro" sem "arrastar pés". As promessas do PS de Pedro Nuno

Recomendados para si

;
Campo obrigatório