Meteorologia

  • 30 NOVEMBRO 2022
Tempo
MIN 7º MÁX 14º

PSD considera "inaceitável" que Pizarro não corrija erro "imediatamente"

O PSD disse hoje que o ministro da Saúde está a "violar a lei do regime de exclusividade" e considerou "inaceitável" que não corrija o erro "imediatamente", realçando que o governante "sabia perfeitamente" a legislação antes de tomar posse.

PSD considera "inaceitável" que Pizarro não corrija erro "imediatamente"
Notícias ao Minuto

22:31 - 04/10/22 por Lusa

Política PSD

"(...) É muito estranho que o novo ministro da Saúde não tivesse aqui noção de que não podia aceitar a sua nomeação para essas funções governamentais, mantendo-se como sócio-gerente de uma empresa na área da saúde", adiantou à Lusa o deputado social-democrata Rui Cristino.

De acordo com o também coordenador da Comissão da Saúde pelo PSD, Manuel Pizarro está a "violar a lei do regime de exclusividade".

"Admitido o lapso, é inaceitável que a situação não seja imediatamente corrigida e este é o exemplo da impunidade que o poder socialista sente no país", acusou Rui Cristino, salientando que "tem de se esclarecer toda a situação".

Para o PSD, a lei tem de ser aplicada e, se Manuel Pizarro violou a legislação, as consequências "têm de ser aquelas que estão previstas na lei".

"O senhor ministro, sabendo da lei da exclusividade, (...) deveria ter deixado de ser sócio-gerente antes de tomar posse. (...) Não deveria ter deixado a situação chegar este ponto. Deveria ter-se precavido para que não acontecesse o que aconteceu, porque sabia perfeitamente quais eram as leis do regime de exclusividade", reiterou.

"Não deixaremos de agir em conformidade para que se possa focar na saúde dos portugueses e nos problemas graves do SNS [Serviço Nacional de Saúde]", acrescentou.

Na segunda-feira, na sequência de uma reportagem da TVI, o ministro da Saúde, Manuel Pizarro, divulgou um comunicado no qual disse estar "ciente" da incompatibilidade do seu cargo no Governo com a gestão de uma empresa na área da saúde, salientando já ter iniciado "o processo de dissolução da mesma".

Leia Também: Incompatibilidades de ministros devem cessar logo que há "perceção"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório