Meteorologia

  • 26 SETEMBRO 2022
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 26º

BE/Açores alerta para "aumento de prejuízos" da SATA

O BE/Açores alertou hoje que as contas da companhia aérea SATA mostram "um prejuízo de 47,7 milhões de euros relativo à Azores Airlines" e que "houve uma diminuição significativa dos resultados positivos na SATA Air Açores".

BE/Açores alerta para "aumento de prejuízos" da SATA
Notícias ao Minuto

19:04 - 23/09/22 por Lusa

Política Açores

"No início do mês de agosto, antes de o relatório de contas ser tornado público, a SATA emitiu um comunicado a congratular-se pelos resultados obtidos, salientando que o primeiro semestre de 2022 tinha registado a maior receita de sempre, mas omitiu que, afinal, a maior receita de sempre significava um aumento dos prejuízos", refere o Bloco, em comunicado.

O BE lamenta, por isso, o que considera ser uma "falta de transparência".

"As contas da SATA publicadas esta semana relativas ao primeiro semestre mostram que aquilo que foi recentemente anunciado pela companhia como 'o melhor primeiro semestre de sempre ao nível das receitas' esconde afinal um prejuízo de 47,7 milhões de euros relativo à Azores Airlines [responsável pelas ligações de e para o exterior do arquipélago] e mostra que houve uma diminuição significativa dos resultados positivos na SATA Air Açores [interilhas]", salienta o BE.

O BE destaca que, "apesar de a SATA estar a voar mais e a transportar mais passageiros, está também a registar mais prejuízos".

"Este governo de coligação PSD, CDS e PPM, que gosta de dizer que está a salvar a SATA, está apenas a prosseguir o caminho desastroso, iniciado pelos governos do PS, que irá levar ao desmantelamento do grupo SATA", conclui.

O grupo SATA obteve no primeiro semestre receitas consolidadas de 107,9 milhões de euros, um crescimento de 51,4% em relação ao mesmo período de 2021 e de 15,2% em relação ao mesmo período de 2019, revelou a companhia em 01 de agosto.

Numa nota enviada às redações, a companhia aérea açoriana informou que este valor "passa a constituir o melhor primeiro semestre em termos de receita desde que há registos consolidados".

Os números assinalam "a recuperação do tráfego pós-pandemia" de covid-19 e, por consequência, a "recuperação da atividade turística, fundamental para a Região Autónoma dos Açores", sublinhou a companhia.

O grupo, que integra a SATA Air Açores e a Azores Airlines, revelou também que o número de passageiros transportados pelas companhias "duplicou em relação ao primeiro semestre de 2021 e ficou apenas 2,3% abaixo do primeiro semestre de 2019".

A Azores Airlines obteve nestes primeiros seis meses do ano "receitas de 70,2 milhões de euros, um vigoroso crescimento de 115% em comparação com o mesmo período de 2021 e de 8,6% em comparação com o mesmo período de 2019", indicou a empresa.

Por seu lado, a SATA Air Açores registou receitas de 41,5 milhões de euros, num crescimento de 2,2% relativamente a 2021 e de 26% a 2019, acrescentou.

Em ambas as companhias aéreas, "o semestre de janeiro a junho de 2022 passou a ser o melhor primeiro semestre em termos de receita dos últimos 10 anos", lia-se ainda na nota.

A Comissão Europeia aprovou, em 07 de junho, uma ajuda estatal portuguesa para apoio à reestruturação da companhia aérea de 453,25 milhões de euros em empréstimos e garantias estatais.

As dificuldades financeiras da SATA perduram desde pelo menos 2014, altura em que a companhia aérea detida na totalidade pelo Governo Regional dos Açores começou a registar prejuízos, agravados depois pelos efeitos da pandemia de covid-19, que teve um enorme impacto no setor da aviação.

Leia Também: SATA transportou mais 22,9% passageiros em julho e agosto do que em 2019

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório