Meteorologia

  • 28 SETEMBRO 2022
Tempo
23º
MIN 16º MÁX 23º

Está "reposta a normalidade" na Festa de Nossa Senhora do Monte

O presidente do Governo da Madeira disse hoje que a Festa de Nossa Senhora do Monte, nos arredores do Funchal, voltou à normalidade cinco anos depois da queda de uma árvore que matou 13 pessoas e fez 49 feridos.

Está "reposta a normalidade" na Festa de Nossa Senhora do Monte

"Neste momento, temos a reposição da normalidade. Depois da fatalidade que aconteceu aqui no Monte, as pessoas estão mais confiantes, ontem [domingo] a festa correu muito bem, eu penso que vamos ter uma grande adesão aqui à celebração religiosa", afirmou Miguel Albuquerque antes de participar na missa em honra de Nossa Senhora do Monte, a padroeira da Madeira.

Em 15 de agosto de 2017, um carvalho de grande dimensão, com cerca de 150 anos, caiu sobre uma multidão que aguardava no Largo da Fonte a passagem da procissão de Nossa Senhora da Assunção, também conhecida por Nossa Senhora do Monte, padroeira da Região Autónoma da Madeira.

A afluência à festa, que geralmente decorre nos dias 14 e 15 de agosto, diminuiu nos anos seguintes e a tradição acabou por ser interrompida em 2020 e 2021, devido à pandemia de covid-19.

Também em 2016 a festa em honra da padroeira da Madeira foi cancelada devido aos incêndios que assolaram a ilha.

Hoje, o presidente do executivo madeirense, de coligação PSD/CDS-PP, salientou que se deslocou ao Monte para "agradecer aquilo que está a acontecer à região", além de "prestar homenagem a esta padroeira".

"Depois de dois anos muito difíceis, nós estamos em plena recuperação económica e isso é muito bom", considerou Miguel Albuquerque, apontando que alguns setores económicos registam "números superiores ao período pré-pandemia [2019]".

Participaram também na missa de Nossa Senhora da Assunção o presidente da Assembleia Legislativa da Madeira, José Manuel Rodrigues, o representante da República para a Madeira, Ireneu Barreto, e o presidente da Câmara do Funchal, Pedro Calado.

Antes da celebração, o bispo do Funchal e o padre da paróquia do Monte rezaram no Largo da Fonte uma oração em honra das pessoas que morreram, em 2017, na sequência da queda de um carvalho de grande porte.

Leia Também: Albuquerque diz que PSD/Madeira "não tem medo de nada"

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório