Meteorologia

  • 22 JANEIRO 2022
Tempo
MIN 5º MÁX 14º

Edição

Parlamento. Como vai funcionar até às eleições de 30 de janeiro?

Com a dissolução da Assembleia da República cessa-se a normal atividade parlamentar. Assim sendo, explicamos-lhe como decorrerão os próximos meses até à formação de novo governo.

Parlamento. Como vai funcionar até às eleições de 30 de janeiro?
Notícias ao Minuto

17:50 - 06/12/21 por Notícias ao Minuto 

Política Dissolução do parlamento

O Presidente da Repúblico, Marcelo Rebelo de Sousa, dissolveu este domingo a Assembleia da República (AR). Uma dissolução já anunciada, é certo, mas que passou a oficial. Assim sendo, como funciona a partir de agora a atividade parlamentar uma vez que, com a dissolução da AR se cessa o normal funcionamento do Parlamento? Eis o que deve saber. 

Este normal funcionamento da atividade parlamentar, agora cessado, passa por reuniões plenárias, por exemplo, "contudo, o mandato dos Deputados subsiste até à primeira reunião da nova Assembleia da República, na sequência das eleições legislativas de 30 de janeiro de 2022", tal como explica o documento da Assembleia da República. 

Ora, até formação de novo Governo, passa a reunir a Comissão Permanente, seguida de uma reunião da Conferência de Líderes.

"A Comissão Permanente é presidida pelo Presidente da Assembleia da República e composta pelos Vice-Presidentes e por Deputados indicados por todos os partidos, de acordo com a respetiva representatividade na Assembleia".

No que diz respeito a Comissões Parlamentares, estas só reúnem para "redação final de diplomas", à exceção  de Comissões de Transparência e Estatuto dos Deputados e a de Assuntos Europeus que podem reunir mediante "autorização expressa do Presidente da Assembleia da República", Eduardo Ferro Rodrigues.

Comissões de Transparência e Estatuto dos Deputados servirão "para deliberar sobre matéria relacionada com o Estatuto dos Deputados e para responder a solicitações urgentes dos tribunais". Já a Comissão de Assuntos Europeus poderá reunir "quando se justifique".

Conferências, colóquios, lançamento editoriais, exposições, visitas de grupos, com exceção de grupos de estudantes, e iniciativas equiparadas estão suspensas à exceção de quatro em particular: a Conferência promovida pela Comissão de Assuntos Europeus sobre o Futuro na Europa; a Cerimónia de Entrega do Prémio Norte - Sul do Conselho da Europa; Cerimónia de Entrega do Prémio Direitos Humanos da Assembleia da República 2021; e Atividades e eventos relacionados com o Programa "Parlamento dos Jovens".

As Delegações às Organizações Parlamentares Internacionais mantêm-se mas "sem presenças em conferências, colóquios, seminários e visitas de estudo promovidas no seu âmbito".

Atividades parlamentares internacionais de âmbito bilateral e Grupos Parlamentares de Amizade também cessam. 

A Assembleia da República já foi dissolvida sete vezes, desde o 25 de Abril de 1974. Recorde aqui o que aconteceu no passado durante estes períodos de crise política.

Leia Também: Legislativas: O que nos diz a história sobre as dissoluções do parlamento

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Sexto ano consecutivo Escolha do Consumidor e Prémio Cinco Estrelas para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download

;
Campo obrigatório