Meteorologia

  • 09 DEZEMBRO 2021
Tempo
13º
MIN 11º MÁX 17º

Edição

OE2022. Sentido de voto do PAN "está em aberto" e depende do Governo

A porta-voz do PAN - Pessoas-Animais-Natureza, Inês de Sousa Real disse hoje "estar em aberto" o sentido de voto na proposta Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) que depende do acolhimento do Governo ao "caderno de encargos" do partido.

OE2022. Sentido de voto do PAN "está em aberto" e depende do Governo
Notícias ao Minuto

15:42 - 18/10/21 por Lusa

Política OE2022

"O PAN ainda não tem o seu sentido de voto decidido. Está tudo em aberto, neste momento. Ainda estamos em negociações com o Governo. O PAN tem estado a apresentar o seu conjunto de propostas que é fundamental que constem do Orçamento de Estado. Temos deixado isso bem claro", afirmou a porta-voz do PAN.

A deputada, que falava à Lusa nas minas de Covas, em Vila Nova de Cerveira, à margem de uma visita que hoje realizou à Serra d'Arga, distrito de Viana do Castelo para conhecer alguns dos locais que poderão ser lavo de prospeção e pesquisa de lítio, adiantou que na noite de hoje vai ter uma nova reunião com o ministro das Finanças e o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares.

"Estamos ainda em diálogo, e a bola está do lado do Governo. Nós apresentámos um caderno de encargos muito significativo. Caberá ao Governo dizer se acolherá ou não estas medidas e só após termos esse retorno do Governo é que a nossa comissão política reunirá para deliberar o sentido de voto", sublinhou.

Inês de Sousa Real disse que o PAN "é um partido responsável que não se tem furtado a apresentar soluções e propostas quer para a retoma económica, quer de proteção ambiental".

"Nos próximos dias iremos perceber se existe ou não uma efetiva abertura do Governo para acolher propostas do PAN. Pese embora o próprio Presidente da República tenha vindo a alertar que o país não quer uma crise política, o que respeitamos efetivamente, isso não significa que o Governo tenha um cheque em branco para o Orçamento de Estado porque a fatura não pode ser paga pelos portugueses, não pode ser paga não se fazendo os investimentos absolutamente fundamentais para o país quer em matéria retoma socioeconómica, quer de direitos sociais, laborais e também do desenvolvimento da economia de forma mais sustentável. Evidentemente, para o PAN em matéria ambiental e proteção animal", destacou.

A porta-voz do PAN disse que até final da semana o sentido de voto do partido terá de ficar fechado.

"Hoje iremos reunir com o ministro das Finanças e com o secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares e iremos reunir, novamente, com o primeiro-ministro só depois deste balanço é que estaremos em condições de fechar o nosso sentido de voto", adiantou.

Leia Também: OE? É preciso "aguardar para ver" a evolução das negociações, diz Marcelo

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

;
Campo obrigatório