Meteorologia

  • 25 OUTUBRO 2021
Tempo
17º
MIN 14º MÁX 23º

Edição

PAN reúne-se com primeiro-ministro na quinta-feira

O PAN vai reunir-se hoje com o ministro da Administração Interna e com a ministra da Agricultura, e na quinta-feira com a ministra da Cultura e o primeiro-ministro no âmbito do Orçamento do Estado, informou hoje o partido.

PAN reúne-se com primeiro-ministro na quinta-feira
Notícias ao Minuto

10:58 - 28/09/21 por Lusa

Política OE2022

O Pessoas-Animais-Natureza vai encontrar-se hoje com Eduardo Cabrita às 16:00 e com Maria do Céu Antunes às 18:00.

Já na quinta-feira, a reunião com a ministra da Cultura, Graça Fonseca, está agendada para as 17:00.

A reunião com o primeiro-ministro com vista às negociações do Orçamento do Estado para o próximo ano será na quinta-feira, pelas 21:00, na residência oficial do chefe de Governo, em São Bento.

De acordo com o partido, estas reuniões setoriais com o Governo realizam-se "no âmbito do processo de preparação em curso da proposta de Orçamento do Estado para 2022".

No final de julho, o PAN teve uma "primeira reunião" com o Governo no âmbito do Orçamento do Estado para 2022 e, no início deste mês, teve reuniões setoriais com a ministra da Cultura, Graça Fonseca, com o ministro do Ambiente e Ação Climática, João Pedro Matos Fernandes, e também com a secretária de Estado para a Cidadania e a Igualdade, Rosa Monteiro.

Há duas semanas, a porta-voz do partido disse que "tem havido uma aproximação do Governo" a reivindicações do partido, de que é exemplo a revisão dos escalões do IRS, e considerou que "esta fase inicial do orçamento" é "sempre uma fase muito difícil".

Inês de Sousa Real considerou que está em causa um orçamento "absolutamente fundamental", no qual deve ficar garantido que os investimentos se destinarão "aos equipamentos e serviços públicos" ou a uma "transição energética que o país tem de fazer" que "não se coaduna com projetos megalómanos" de centrais fotovoltaicas ou barragens.

"Há um equilíbrio orçamental que tem de ser feito, para o PAN, as contas certas são ajustar contas com as famílias" e com profissionais como os da saúde "e com aquilo que lhes é devido", disse ainda, defendendo também que é preciso "taxar as atividades que têm de ser taxadas".

"Este tem sido o caminho do diálogo, esperamos que o Governo se aproxime desta que é a visão do PAN e que não apresente na Assembleia da República um orçamento apenas com a marca do Partido Socialista, como aconteceu no ano passado", afirmou.

A proposta de Orçamento do Estado para 2022 deverá ser entregue pelo Governo ao presidente da Assembleia da República a 11 de outubro.

[Notícia atualizada às 12h14]

Leia Também: "Sem as medidas adotadas, o desemprego teria sido o dobro", reitera Costa

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório