Meteorologia

  • 20 OUTUBRO 2021
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 26º

Edição

Autárquicas: Candidatos de Lisboa votam e passam dia em família

A maioria dos 12 candidatos à presidência da Câmara de Lisboa nas autárquicas de hoje vai votar de manhã e o dia será passado sobretudo em família até se juntarem às suas equipas para acompanhar a noite eleitoral.

Autárquicas: Candidatos de Lisboa votam e passam dia em família
Notícias ao Minuto

07:41 - 26/09/21 por Lusa

Política Autárquicas

A Lusa questionou todos os candidatos/candidaturas da capital sobre o seu programa para o dia das eleições para os órgãos do poder local.

O candidato da coligação PS/Livre e atual presidente da autarquia, Fernando Medina, vai votar de manhã na Escola Marquesa de Alorna, em São Sebastião, com a mulher. Passará depois o dia em família e acompanhará a noite eleitoral no Pátio da Galé, no Terreiro do Paço.

Por volta das 10:00, o seu principal opositor, Carlos Moedas (PSD/CDS-PP/MPT/PPM/Aliança) vai votar no Liceu Pedro Nunes, na freguesia lisboeta de Campo de Ourique, onde vive desde os 18 anos, e far-se-á acompanhar da sua mulher e da sua filha mais velha, que também irão votar.

O domingo do candidato social-democrata vai ser passado, "sobretudo, com a família" e, depois, ao final da tarde, o acompanhamento da noite eleitoral será feito no hotel SANA, na zona do Marquês de Pombal, onde vai estar com as pessoas que têm apoiado a sua candidatura, "para celebrar a vitória em conjunto, para lhes agradecer todo o trabalho que fizeram, que foi muito: foram sete meses de luta, sete meses de conversas, sete meses a construir um programa para Lisboa".

Também Beatriz Gomes Dias, do BE, vai votar de manhã no Liceu Pedro Nunes. Depois vai estar em casa com a família, num almoço com a mãe e as irmãs, e segue para o Capitólio, onde se juntará à comitiva bloquista para acompanhar a noite eleitoral.

João Ferreira, da CDU, vai votar às 10:30 na secção de voto n.º 12 da Escola Básica Professor Lindley Cintra, no Lumiar. O candidato comunista irá passar o dia junto da família, até chegar a hora de se deslocar para a sede de campanha, na Avenida da Liberdade.

O candidato da Iniciativa Liberal, Bruno Horta Soares, vai passar a manhã em família e deverá ir votar acompanhado pela mulher e os três filhos, pelas 11:30, na Escola Básica Vasco da Gama, no Parque das Nações, prevendo juntar-se à sua equipa depois do almoço para celebrar a campanha e acompanhar o escrutínio a partir das 19:00 num restaurante da zona Belém.

Ossanda Líber, do movimento Somos Todos Lisboa, vota às 11:00, na Escola Marquesa de Alorna, na freguesia de Campolide. Almoçará com a família, que inclui dois filhos pequenos. Os resultados serão acompanhados a partir da sede do movimento, na Fábrica Braço de Prata.

Sofia Afonso Ferreira, do partido Nós, Cidadãos!, tem "planos simples" para domingo: almoço marcado com a família, depois de irem todos votar de manhã, na freguesia de Santa Maria Maior. À tarde, vai "dar apoio" aos candidatos, na qualidade de vice-presidente do partido, e à noite vai acompanhar os resultados no Largo do Intendente.

Tiago Matos Gomes, do Volt Portugal, vai descansar de manhã e votar às 15:00 na freguesia da Estrela. Ao fim da tarde, reunirá a equipa num hotel de Lisboa, para acompanhar os resultados das autárquicas.

Manuela Gonzaga, do PAN, vai votar "muito cedo" em São Pedro do Corval, no concelho de Reguengos de Monsaraz, e aí passará toda a manhã. Viajará para Lisboa "ao princípio da tarde", para passar o resto do dia e a noite eleitoral com elementos do PAN e apoiantes da sua candidatura, que considera a sua "família política" e "amigos de longa data". "No dia das eleições, depois destes dois meses tão intensos, é com eles que eu quero estar", afirmou.

Também o candidato do PDR, Bruno Fialho, vota fora do concelho de Lisboa, mais especificamente na freguesia da Amora, no Seixal. Depois de exercer o direito de voto, e de acompanhar a mãe a votar em Campo de Ourique, em Lisboa, o candidato vai passar o dia com a família.

Quanto à noite eleitoral, dependendo dos resultados, Bruno Fialho irá "para um local apropriado" ou para "a cama mais cedo".

O cabeça de lista do Chega, Nuno Graciano, também vota fora de Lisboa. O ex-apresentador de televisão vive no concelho de Cascais e irá exercer o direito de voto na freguesia de Alcabideche.

O resto do dia será passado com a família, até se dirigir para um restaurante na Rua Alexandre Herculano, em Lisboa, onde a candidatura vai acompanhar os resultados das eleições.

João Patrocínio, do partido Ergue-te, vota na Costa de Caparica, concelho de Almada,, onde reside, e seguirá os resultados da eleição na companhia da família.

Leia Também: Autárquicas: Líderes partidários vão às urnas durante a manhã

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório