Meteorologia

  • 23 SETEMBRO 2021
Tempo
18º
MIN 16º MÁX 23º

Edição

Pichardo de Ouro dá a Portugal melhor participação de sempre. As reações

Personalidades da política nacional já elogiaram o português e não deixaram passar em branco o feito histórico conseguido pelo nosso país nestes Jogos Olímpicos.

Pichardo de Ouro dá a Portugal melhor participação de sempre. As reações

Pedro Pablo Pichardo conquistou hoje a medalha de ouro na prova do triplo salto dos Jogos Olímpicos de Tóquio'2020, com novo recorde nacional, elevando para quatro o número de medalhas obtidas por atletas portugueses, o melhor resultado de sempre. As reações ao feito do campeão olímpico não se fizeram esperar, com diversas personalidades políticas a destacarem o resultado. 

Marcelo Rebelo de Sousa já felicitou Pichardo, sublinhando também o incrível resultado de Portugal no Japão. "Naquela que já é a melhor participação de sempre de Portugal nos Jogos da Era Moderna, Pedro Pichardo alcançou a glória do ouro olímpico, a quinta destas medalhas na história de Portugal", refere uma mensagem publicada do sítio oficial da Presidência da República.

Marcelo Rebelo de Sousa agradeceu, "em nome de Portugal e dos portugueses", o desempenho do atleta do Benfica.

Também António Costa deu os parabéns ao triplista. Com uma mensagem publicada no Twitter, o primeiro-ministro apontou que Pedro Pichardo "voou para o ouro" na final do triplo salto dos Jogos Olímpicos, referindo que é um resultado que "enche de emoção e alegria".

"O melhor resultado de sempre em Jogos Olímpicos e um enorme orgulho para todos nós", destacou, frisando que "cada centímetro é ouro, mas também muito trabalho".

O presidente da Assembleia da República felicitou Pedro Pichardo pela conquista da medalha de ouro na prova do triplo salto dos Jogos Olímpicos Tóquio2020, considerando que o atleta "honra o país que o acolheu e fez seu". "Competindo com as cores de Portugal, Pedro Pablo Pichardo honra o país que o acolheu e fez seu, sendo merecedor do reconhecimento de todos os portugueses", lê-se num comunicado de Eduardo Ferro Rodrigues.

Rui Rio, no Twitter, apontou a "grande vitória" de Pichardo no triplo salto em Tóquio. "Parabéns! Que seja a primeira de muitas outras", considerou o líder do PSD.

Tiago Brandão Rodrigues, ministro da Educação, socorreu-se também do Twitter para salientar o feito do atleta nacional: "17,98m de orgulho gigante! Vamos ter o privilégio de ouvir A Portuguesa em Tokyo2020  porque tu, Pedro Pichardo, foste um colosso no estádio. O país não esquecerá o teu feito. Muitos parabéns e que o teu exemplo de compromisso seja seguido por muitas gerações de atletas", pode ler-se.

Outra das personalidades políticas que felicitou Pichardo foi João Paulo Rebelo, secretário de Estado do Desporto. Também através do Twitter, o governante sublinhou a "grande vitória do Pedro Pichardo" em Tóquio. "Portugal volta a conquistar uma medalha de ouro olímpica, conseguindo atingir o maior número de medalhas de sempre em Jogos Olímpicos. Histórico!", acrescentou. 

Catarina Martins, coordenadora do Bloco de Esquerda, adjetivou também a prestação de Pedro Pichardo: "Que voo estrondoso. Parabéns campeão".

Ana Catarina Mendes, líder parlamentar do PS, destacou o feito do português nas redes sociais, ao escrever: "Pedro Pichardo é campeão olímpico e Portugal consegue a melhor participação de sempre. Parabéns Campeão!"

"Pedro Pablo Pichardo conquistou o ouro no triplo salto nos Jogos Olimpicos Tokyo2020, com novo recorde nacional: 17,98m. São agora quatro as medalhas obtidas por atletas portugueses. O melhor resultado de sempre de Portugal. Parabéns ao Pedro Pichardo e ao seu treinador!", foi a mensagem que a cidade de Lisboa, através do Twitter da Câmara Municipal, dedicou ao triplista.

O Comité Olímpico Português (COP) já publicou uma fotografia do triplista com a medalha, acompanhada de uma forte mensagem: "É de ouro! É de Pedro Pichardo! É de Portugal!"

De recordar que Pedro Pichardo venceu o concurso com um salto de 17,98 metros, novo recorde nacional, conquistando a primeira medalha de ouro para Portugal em Tóquio'2020, depois da de prata de Patrícia Mamona na prova feminina do triplo salto e das de bronze do judoca Jorge Fonseca (-100 kg) e do canoísta Fernando Pimenta (K1 1.000).

Portugal superou os resultados alcançados em Los Angeles1984 e Atenas2004, edições em que subiu três vezes ao pódio, passando a totalizar 28 medalhas em Jogos Olímpicos (cinco de ouro, nove de prata e 14 de bronze), 12 das quais no atletismo, modalidade que proporcionou também os cinco títulos olímpicos.

O atleta natural de Cuba, de 28 anos, efetuou o seu melhor salto, de 17,98 metros, à terceira tentativa, e bateu o seu o recorde nacional por três centímetros, impondo-se ao chinês Yaming Zhu, com 17,57, e ao burquinense Fabrice Zango, com 17,47, que conquistaram as medalhas de prata e de bronze, respetivamente.

[Notícia atualizada às 11h52]

Leia Também: 'A Portuguesa' no Japão: Definida hora de entrega do ouro a Pichardo

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório