Meteorologia

  • 06 MARçO 2021
Tempo
11º
MIN 10º MÁX 21º

Edição

Líder da IL disse que Mayan atingiu resultado que ninguém diria à partida

O presidente da Iniciativa Liberal (IL), João Cotrim Figueiredo, afirmou hoje que a candidatura de Tiago Mayan conseguiu, acima de todas as expectativas, fazer uma "campanha notável" e atingir um resultado que "ninguém diria à partida".

Líder da IL disse que Mayan atingiu resultado que ninguém diria à partida
Notícias ao Minuto

23:04 - 24/01/21 por Lusa

Política Presidenciais

João Cotrim de Figueiredo atrasou a declaração prevista para esta noite devido às "incertezas" que permanecem nos resultados porque ainda havia "mais de 300 mil votos ainda por contar", mas num momento em que Tiago Mayan Gonçalves ultrapassou Vitorino Silva na votação.

"Gostaria de começar por dizer que é com grande alegria que estou a registar que, nestas eleições e enquanto projetos políticos, só há efetivamente hoje duas candidaturas que estão de parabéns: a do professor Marcelo Rebelo de Sousa que ganhou à primeira volta e a candidatura de Tiago Mayan Gonçalves que acima de todas as expectativas consegue fazer uma campanha notável e atingir um resultado que ninguém diria à partida", afirmou o líder da IL, partido que apoia a candidatura de Mayan Gonçalves.

Para o líder da IL, "com competência, irreverência, com base em ideias e sem espalhafato e sem depender exclusivamente daquilo que se possa ser uma forma mais mediática e sem protagonistas messiânicos, o Tiago Mayan e a sua candidatura conseguiram um resultado notável".

Resultado que, para João Cotrim Figueiredo, dá "continuidade a uma série de resultados eleitoral importantes da IL e que provam que "este projeto continua a crescer em Portugal"

"Sobretudo, quando se analisam os votos junto da população mais jovem provam que este é um projeto de futuro. O futuro em Portugal será declaradamente mais liberal", afirmou no quartel-general improvisado da candidatura de Mayan Gonçalves, no Porto.

Este era, acrescentou, o resultado que almejavam ter nas "melhores perspetivas" e, portanto, frisou estar muito satisfeito "com o trabalho que foi feito, porque ele representa sobretudo a afirmação das ideias liberais".

"Fizemos uma campanha em que discutimos alternativas políticas para o país e não nos refugiamos em nenhum tipo de espalhafato, em nenhum tipo de protagonismo excessivo e isso prova que é possível, em Portugal, fazer política com base em ideias", sublinhou.

Marcelo Rebelo de Sousa foi hoje reeleito Presidente da República e contava 60,90% dos votos nas eleições presidenciais, quando estavam apurados os resultados provisórios em 3082 das 3092 freguesias.

Segundo os dados da Secretaria-Geral do Ministério de Administração Interna - Administração Eleitoral, Ana Gomes é o segundo candidato mais votado, com 12,82%, seguida de André Ventura (11,91%), João Ferreira (4,25%), Marisa Matias (3,93%), Tiago Mayan Gonçalves (3,20%) e Vitorino Silva (2,99%).

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório