Meteorologia

  • 02 MARçO 2021
Tempo
10º
MIN 8º MÁX 18º

Edição

Eleições decorrem "normalmente" no Corvo, apesar do confinamento

As eleições presidenciais estão a decorrer "normalmente" no Corvo, nos Açores, apesar das recomendações de confinamento feitas no sábado pela Autoridade de Saúde Regional, na sequência do surgimento do primeiro caso de covid-19 na ilha.

Eleições decorrem "normalmente" no Corvo, apesar do confinamento
Notícias ao Minuto

12:35 - 24/01/21 por Lusa

Política Presidenciais

"As eleições estão a decorrer normalmente, sem qualquer problema", assegurou José Manuel Silva, presidente da Câmara Municipal do Corvo, em declarações à agência Lusa, adiantando que as pessoas estão a participar no ato eleitoral de forma "normal", eventualmente "com mais alguns cuidados".

A ilha do Corvo, a mais pequena do arquipélago e também a menos populosa (cerca de 460 habitantes), era até sábado a única nos Açores que não tinha registado nenhum caso de infeção pelo novo coronavírus, que provoca a doença covid-19.

O surgimento do primeiro caso positivo na ilha levou a Autoridade de Saúde Regional a recomendar que a população do Corvo se mantenha em confinamento, até que esteja terminada a testagem dos contactos próximos do primeiro caso de infeção registado.

Segundo o presidente da Câmara do Corvo, do PS, os nove testes rápidos efetuados aos contactos próximos do individuo que teve um teste positivo à covid-19 "deram todos negativos", embora esteja previsto que essas pessoas voltem a fazer novo teste, desta vez por RT-PCR, esta segunda-feira.

"Esperemos que sejam todos negativos e que esta situação fique só por aqui", disse, esperançoso, José Manuel Silva,

Segundo a Unidade de Saúde do Corvo, o único caso positivo ativo na ilha, ontem detetado a um residente que tinha efetuado uma viagem ao exterior, encontra-se "clinicamente bem, assintomático e em confinamento domiciliário".

Os Açores têm atualmente 588 casos positivos ativos de infeção pelo novo coronavírus, dos quais 556 na ilha de São Miguel, 27 na Terceira, dois no Pico, um no Faial, um nas Flores e um no Corvo.

Em Portugal, morreram 10.194 pessoas dos 624.469 casos de infeção confirmados, de acordo com o boletim mais recente da Direção-Geral da Saúde.

Leia Também: Troca de acusações em Portimão sobre testes covid para mesas de voto

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Quinto ano consecutivo Escolha do Consumidor para Imprensa Online.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório