Meteorologia

  • 25 SETEMBRO 2020
Tempo
18º
MIN 15º MÁX 22º

Edição

BE alerta para nova descarga de esgotos em rio de Santa Maria da Feira

A coordenação distrital de Aveiro do BE denunciou hoje nova descarga de esgotos no rio Cáster, no centro de Santa Maria da Feira, reclamando maior eficácia na penalização de "recorrentes" crimes ambientais nesse concelho.

BE alerta para nova descarga de esgotos em rio de Santa Maria da Feira
Notícias ao Minuto

15:38 - 14/08/20 por Lusa

Política esgotos

A denúncia do deputado Nelson Peralta surge um dia depois da divulgação, também pelo BE, de outras emissões indevidas de águas e óleos industriais em cursos fluviais das Caldas de São Jorge e de Sanfins, duas localidades no mesmo município.

A descarga mais recente, no Cáster, "deu-se em plena luz do dia e no centro da cidade", sendo "observada por várias pessoas e registada num vídeo que tem percorrido as redes sociais".

Lamentando que essa situação seja "recorrente ao longo dos últimos anos", o BE declara: "Estranhamente, os infratores nunca são detetados nem, por conseguinte, responsabilizados. Assim, estes crimes ambientais repetem-se de forma cíclica, deixando o rio permanentemente poluído".

Nelson Peralta reclama que "o combate aos crimes ambientais não pode ser descurado, muito menos minimizado ou normalizado como alguns atores políticos fazem", e defende que "urge por parte do Governo a adoção de medidas robustas capazes de combater todo e qualquer foco poluidor".

Nessa perspetiva, o BE já abordou o assunto junto do Governo, requerendo ao Ministério do Ambiente os esclarecimentos do costume: "Que medidas vai implementar para verificar a origem destas descargas poluentes, que, infelizmente se repetem ao longo dos últimos anos? Que medidas vão ser implementadas para colocar um fim a estas descargas poluidoras?".

Questionada pela Lusa, a Câmara Municipal da Feira, liderada pelo PSD, mantém resposta idêntica à apresentada quinta-feira, a propósito das descargas ilícitas nas Caldas e em Sanfins. Diz que tomou conhecimento da poluição no Cáster "através do Serviço de Proteção da Natureza e do Ambiente da GNR", acrescenta que técnicos da autarquia se deslocaram ao local com uma equipa da concessionária do saneamento Indaqua e conclui que não foi possível identificar a origem da emissão ilícita, "dado que a descarga foi realizada a montante".

Recomendados para si

Seja sempre o primeiro a saber.
Acompanhe o site eleito pelo quarto ano consecutivo Escolha do Consumidor.
Descarregue a nossa App gratuita.

Apple Store Download Google Play Download

Campo obrigatório